Aeroporto de Campina Grande ganha posto de abastecimento de aeronaves.

Imagem: Divulgação / Infraero.

Entrou em operação no último dia 1°de junho, no Aeroporto de Campina Grande/Presidente João Suassuna (PB), um novo posto de abastecimento de aeronaves (PAA). A estrutura, com área de 880 m², tem capacidade de armazenamento para 50 mil litros de querosene de aviação (QAV).




A empresa Raizen/Shell fará a distribuição do QAV para as empresas regulares. Paralelo a isso, a Infraero já concluiu o processo de contratação de um outro distribuidor, a Air BP Petrobahia, que deve iniciar o fornecimento até o final de agosto de 2017.

Na avaliação do superintendente do aeroporto, José Daniel Sobrinho, a estrutura vai proporcionar uma melhoria significativa nos serviços prestados, possibilitando às companhias aéreas o planejamento de voos com distâncias maiores.

No primeiro quadrimestre de 2017, o terminal paraibano registrou aumento de 17,17% na movimentação de passageiros. Foram 47.766 embarques e desembarques contra os 40.767 contabilizados no mesmo período de 2016. Atualmente, o aeroporto conta com 3 voos diários (2 da Gol e 1 da Azul).

Além disso, para atender às demandas da aviação civil, seja de aeronaves da aviação regular ou de operações da aviação geral, o Aeroporto de Campina Grande opera, desde o dia 1º de abril, 24 horas por dia, 7 dias por semana.

 
Informações pela Assessoria de Imprensa da Infraero.
 

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é assessor de editoria do AEROIN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *