Airbus bate recorde de entregas em 2016.

Todos os aviões fabricados nos dias atuais pela Airbus preparam-se para um voo em família.

As entregas de aviões comerciais da Airbus bateram um novo recorde pelo 14º ano consecutivo, atingindo o íncrivel número de 688 aviões entregues em 2016, para 82 clientes.

O número de entregas aumentou em 8% em relação a 2015. Incluem neste número recorde, 545 aviões da família A320, sendo 68 do novo modelo A320neo; a família A330 contou com 66 entregas; em seu primeiro ano de produção plena, foram entregues 49 unidades do modelo A350-900; além de 22 gigantes A380-800.

2016 também foi um ano de muitos pedidos para a Airbus, sendo 731 encomendas de 51 clientes diferentes, sendo 8 novos clientes. Dos novos pedidos, 607 são para aeronaves de corredor único e 124 para aviões de corredor duplo. No final do ano a Airbus chegou ao íncrivel número de 6.874 de encomendas totais, num valor de $1.08 bilhões de dólares, seguindo os preços tabelados.

“Nós entregamos em nossos objetivos de desafiar o meio, provando que estamos prontos para o futuro. Eu saúdo nosso time por esta conquista fora de série” declarou Fabrice Brégier, presidente da Airbus.

Fatos marcantes em 2016 incluiem a entrega do Airbus de número 10.000, o primeiro voo do A350-1000, o ínicio de entregas do A320neo em suas duas variantes de motores, além da entrega do primeiro Airbus fabricado nos Estados Unidos, na fábrica de Mobile no Alabama, um A321 para a JetBlue.

Confira abaixo uma tabela de preços para os aviões da Airbus em 2017, valores em dólares americanos.

 

A318

$75.9 milhões

A319 

$90.5 milhões

A320

$99 milhões

A321

$116 milhões

A319neo

$99.5 milhões

A320neo

$108.4 milhões

A321neo

$127 milhões

A330-200

$233.8 milhões

A330-800 (neo)

$254.8 milhões

A330-200F (cargueiro)

$237 milhões

A330-300

$259 milhões

A330-900 (neo)

$290.6 milhões

A350-800

$275.1 milhões

A350-900

$311.2 milhões

A350-1000

$359.3 milhões

A380

$436.9 milhões

Informações pela Assessoria de Imprensa do Grupo Airbus. 

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.

13 Comments:

  1. Na tabela aparece o A350-800, ele será produzido?

  2. Realmente a Emirates é a dona do dinheiro.

  3. AIRBUS sempre a frente do seu tempo

  4. Esta correta esta afirmação: No final do ano a Airbus chegou ao íncrivel número de 6.874 de encomendas totais, num valor de $1.08 bilhões de dólares.

    Não deveria ser trilhão de dólares?

  5. concordo dan Brandão, boa sexta feira fica com deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *