Airbus supera marca de 1 mil encomendas em 2015.

csm_A320neo_PW_Airbus_neo_livery_V14_6f0c5ea8e5
As 169 encomendas registradas pela Airbus em novembro impulsionaram ainda mais o total de pedidos por sua família de aeronaves de corredor único A320, com nova opção de motor (NEO) e opção atual de motor (CEO), enquanto também elevaram o total de pedidos por aeronaves widebody A330ceo e A330neo.

Até o momento, a Airbus alcançou a marca de 1 mil aeronaves encomendadas em 2015, com 1.007 pedidos líquidos.

As entregas de 61 aeronaves em novembro para clientes internacionais envolveram todos os modelos da Airbus atualmente em produção, desde a Família A320 até as A330, A350 XWB e A380.

Levando em conta o volume de encomendas e entregas no mês – entre fabricação e conversões – o backlog geral da Airbus alcançou 6.837 aeronaves até 30 de novembro, batendo um outro recorde na indústria (e correspondendo a cerca de 10 anos de produção).

As transações por aeronaves de corredor único em novembro mais uma vez confirmam o movimento da indústria da aviação mundial em direção a aeronaves com maior capacidade, com a A321, variante de fuselagem alongada da Família A320 da Airbus, recebendo 87 encomendas durante o mês.

Os novos negócios em novembro foram puxados pela Família A320, com um total de 135 encomendas por modelos A320/A321neo e 15 pedidos por aeronaves A320/A321ceo. As encomendas foram lideradas pela compra de 24 modelos A321neo e 15 A320neo pela portuguesa TAP, em uma transação que inclui o A321LR (o que torna a companhia portuguesa uma nova cliente da versão de longo alcance da Família A320neo).

Também entre as encomendas de novembro constam o pedido de 30 unidades do A320neo e seis do A320ceo pela empresa easyJet, além de 30 modelos A321neo pela Korean Air – que se tornou uma nova cliente deste tipo de aeronave e a primeira companhia do leste asiático a encomendar aeronaves de corredor único da Airbus em 40 anos. Completam a lista de encomendas por aeronaves de corredor único em novembro o pedido por 21 aeronaves A321neo e nove A321ceo feito pela VietJet, do Vietnam; além da encomenda por 12 A320neo e três A321neo pelo International Airlines Group, para a espanhola Ibéria.

As aquisições de aeronaves widebody durante novembro foram compostas por 19 modelos da Família A330 por quatro clientes e envolveram quatro versões diferentes da versátil linha de produtos de dois motores da Airbus. A TAP Portugal assinou uma encomenda firme por 14 aeronaves A330-900neo (a posicionando como uma nova cliente do A330neo), enquanto duas aeronaves A330-200ceo foram encomendadas pelo International Airlines Group, para a Ibéria (que se se tornou um novo cliente para esse tipo de aeronave).

A Aer Lingus, da Irlanda – que também é membro do International Airlines Group, receberá dois A330-300 encomendados em novembro, enquanto um jato corporativo ACJ330-300 foi adquirido por um cliente privado não relevado.

As transações do mês levaram o total de pedidos brutos da Airbus durante os 11 meses de 2015 a 1.079 unidades – composto por 825 aeronaves A319/A320/A321neo, 102 modelos A318/A320/A321ceo, 99 unidades do A330ceo, 39 aeronaves A330neo e 14 modelos A350. Levando em conta os cancelamento e conversões até momento, as encomendas liquidas em 2015 chegaram a 1.007 unidades até o dia 30 de novembro.

Já as entregas em novembro foram compostas por 47 aeronaves da Família A320, 10 A330s (incluindo um A330-200 VIP), três A380s e um A350. Entre as entregas do mês, destaca-se o décimo A380 para a British Airways. Até o fim de novembro, a Airbus entregou um total de 24 aeronaves A380.

2 Comments:

  1. é o melhor jato médio longo curso melhor tecnologia de ponta embarcada sem falar da qualidade e supremacia de um jato Airbus

  2. E as encomendas da família 320neo da Azul?

Comente