Alitalia registra redução significativa nas perdas em 2015.

alitalia
A Alitalia confirmou hoje que está em vias de tornar-se lucrativa em 2017, pois reduziu suas perdas em € 381 milhões em 2015, em comparação com o ano anterior.

Este importante resultado sobre 2015 foi divulgado com o anúncio feito pela companhia sobre seu primeiro relatório anual completo, seguindo seu plano de recuperação industrial de três anos.

Depois de registar uma receita total de € 3,31 bilhões em 2015, a Alitalia conseguiu obter um resultado líquido de € -199,1 milhões para 2015, uma melhoria significativa no prejuízo de € 580 milhões registrado em 2014. Esse desempenho está em linha com as metas estabelecidas no seu plano industrial.

O presidente da Alitalia, Luca Cordero di Montezemolo, disse: “Reduzir nossas perdas é um primeiro passo importante, juntamente com o compromisso incansável para melhorar os nossos serviços, nossa frota e nossa rede com a abertura de novas rotas intercontinentais estratégicas. Isso tem sido possível graças à determinação e paixão dos homens e mulheres da Alitalia, a quem eu quero estender meus sinceros agradecimentos. O retorno à lucratividade em 2017 continua a ser o nosso objetivo. Os resultados de hoje mostram que a Alitalia se tornou mais eficiente no controle de custos e está no caminho para a lucratividade até 2017. Todos os nossos esforços estão focados em alcançar essa meta. Poucas companhias aéreas foram submetidas a uma mudança tão radical como a nova Alitalia. Estamos cumprindo nossa promessa de criar uma companhia aérea de classe mundial”.

Durante 2015, a Alitalia atingiu ou superou uma ampla gama de indicadores de desempenho, enquanto prosseguia com seu extenso programa de reestruturação.

A companhia aérea transportou um total de 22,1 milhões de passageiros com uma taxa de ocupação de 76,2%.

Houve também uma contribuição forte e crescente de € 235,4 milhões de suas parcerias de codeshare. A parceria com a Etihad Airways também tem desempenhado um papel importante. Desde janeiro de 2015, a Alitalia e a Etihad Airways compartilharam mais de 450.000 passageiros entre suas redes, enquanto mais de 1,2 milhão de passageiros foram compartilhados entre a Alitalia e as companhias aéreas da Etihad Airways Partner.

A Alitalia continua a aprofundar a sua cooperação existente com a airberlin para fortalecer ainda mais conexões aéreas entre a Itália e Alemanha, Áustria e Suíça. Os clientes se beneficiam de até 25% mais voos semanais sem escalas da Itália. A cooperação mais profunda com a airberlin abre o caminho para uma maior competitividade, e os nossos passageiros em comum já estão se beneficiando com maior conforto durante as viagens, as conexões aprimoradas e uma rede de rotas muito mais atraente.

O relacionamento da Alitalia com a SkyTeam e, em particular a Delta Air Lines, permite aos seus passageiros desfrutar de uma experiência de viagem única e consistente em sua rede estendida na América.

A companhia também obteve importantes sinergias, eficiências operacionais e redução de custos em todas as áreas do negócio, como resultado do aumento da escalabilidade, integração de sistemas, aquisição conjunta e implementação de melhores práticas com os seus parceiros.

A companhia também começou uma importante atualização de sua frota, incluindo novos interiores e Wi-Fi a bordo que está sendo implementado em todas as suas 122 aeronaves. Seu produto de bordo foi atualizado, com um estilo de serviço aprimorado para melhorar a qualidade em todas as cabines. Por meio do investimento em lounges, o novo conceito “Casa Alitalia” será introduzido em Roma e Milão Malpensa, enquanto reformas estão previstas para Roma, Milão Linate, Nápoles, Veneza, Catania e Nova York. Um novo aplicativo móvel alitalia.com foi introduzido, bem como a nova revista de bordo Ulisse.

Mais de 6.000 tripulantes de cabine e pessoal do aeroporto passaram por um novo programa de treinamento Customer Excellence, com treinamento de liderança também sendo realizado para 600 gerentes de cabine seniores e gerentes aeroportuários. A companhia também criou uma nova equipe de resposta ao passageiro para fornecer atendimento mais rápido e eficiente ao cliente.

Os novos procedimentos operacionais resultaram em uma média de 80,2% em desempenho de pontualidade em 2015, com uma redução de extravio de bagagem de 50% e confiabilidade técnica em 99,5%.

As novas mudanças já tiveram um impacto com os passageiros. A participação de mercado da Alitalia de e para a Itália aumentou em quatro pontos percentuais em 2015, para 30%. Em abril de 2016, a satisfação geral dos passageiros foi de 87%, nível mais elevado registrado desde o início da nova pesquisa de bordo, em 2012.

Cramer Ball, CEO da Alitalia, disse: “Ainda há muito a ser feito para alcançar nossos objetivos de longo prazo, mas neste ano, nossas equipes alcançaram marcos significativos. Para a próxima fase da nossa estratégia de investimento, € 400 serão alocados para frota, cabines, tecnologia e infraestrutura em 2016. Nosso investimento mais importante até o momento, e que está rendendo bons frutos, é o investimento em nosso pessoal. São as pessoas da Alitalia que estão dando vida para esta marca e criando uma nova força na aviação europeia. Agradeço a todos e cada um dos funcionários da Alitalia por seu trabalho árduo e dedicação”.

Os fortes resultados da companhia foram alcançados apesar de alguns desafios significativos. O incêndio no aeroporto de Roma Fiumicino, em 7 de maio de 2015, causou interrupções significativas e estima-se ter custado à companhia aérea em torno de € 80 milhões. A Alitalia também suspendeu sua rota Roma-Caracas devido à decisão do governo venezuelano de não permitir a repatriação de dólares norte-americanos do país e, como outras companhias aéreas, a Alitalia também sentiu um impacto negativo no tráfego de passageiros após os ataques terroristas de Paris.

Cramer Ball acrescentou: “Como uma companhia aérea, enfrentamos muitos desafios macroeconômicos. No entanto, a Alitalia de hoje está pronta para enfrentar esses desafios, evoluindo como um negócio bem-sucedido comercialmente. Embora o investimento seja uma parte fundamental da nossa estratégia, nossa administração vai continuar seu foco no custo e aproveitar todas as oportunidades para alcançar maior eficiência em nossa jornada para a lucratividade”.

Ball também elogiou o sucesso da emissão de obrigações de € 375 milhões feita pela Alitalia no ano passado, o que foi um sinal de apoio do mercado para o progresso da companhia aérea.

As demonstrações financeiras anuais da Alitalia foram independentemente auditadas pela Deloitte & Touche, de acordo com normas internacionais de auditoria.

Redução significativa nas perdas, indo de € 580 milhões em 2014 para € 199,1 milhões em 2015.

Foco contínuo no controle de custos e eficiências.

Investimento de € 400 milhões em 2016 vai proporcionar benefício significativo ao negócio e aos clientes entre 2016 e 2020.

Principais indicadores 2015
Receita (m) € 3.312,4
Receitas de Codeshare (m) € 235,4
Lucro líquido (m) € -199,1
Total de passageiros (m) 22,1
Fator de carga 76,2%
Desempenho de pontualidade 80,2%

Luis Neves

É agente de turismo e acompanha a evolução da aviação brasileira desde o final da década de 80. Fotografa tudo o que voa e tem uma das maiores coleções de fotos de aviação do Brasil.

3 Comments:

Comente