Amaszonas Uruguay solicita voos para o Brasil.

amaszonas uruguay

CRJ200 da empresa no Aeroporto de Montevidéu | Foto por Wikidatos123

A Amaszonas Uruguay solicitou ao orgão uruguaio DINACIA, voos regulares para as cidades argentinas de Rosário e Córdoba, e para as capitais brasileiras de Porto Alegre e Curitiba. Datas para o ínicio da operação ainda não foram definidas.

Nos próximos dias as principais autoridades do grupo Amaszonas, que é composto pela Amaszonas Bolivia, Amaszonas Uruguay e Amazonas Paraguay, irão apresentar o seu plano estratégico para 2017, com o marco da crescente consolidação da companhia na região. O grupo Amaszonas opera com uma frota de aviões Bombardier CRJ-200.

O grupo tem interesse de posicionar o Uruguai como um destino turístico: “Já comercializamos voos para Punta del Este como um destino de excelência, sendo que desde o dia 7 de Dezembro estamos voos diários para o Aeroparque em Buenos Aires, e iremos manter essa regularidade durante toda a temporada de verão” afirmou o o vice-presidente do grupo, Sergio León.

Voos para Miami

Sergio León ainda comentou sobre o processo para a empresa receber a certificação necessária para fazer voos entre a Bolívia e Miami.

“Depois de ter trabalhado por mais de quatro anos contínuos na América do Sul, a Amaszonas decidiu apostar por mais regiões. Assim temos um novo desafio de negócio, que é a conquista de um dos mercados mais importantes do planeta: o norte-americano.” disse León.

Ainda não foi informado detalhes sobre as operações para os EUA, que seriam com uma aeronave maior, já que o alcance do CRJ-200 não é suficiente para a rota pretendida.

Adaptado do jornal LaRed21.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e graduando de Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.