Azul apresenta nova carta de vinhos italianos, franceses e portugueses.

 A Azul já oferece, em todos os seus voos internacionais partindo de Campinas com destino a Fort Lauderdale/Miami, Orlando Lisboa, sua mais nova carta de vinhos, que conta com opções provenientes de Itália, França e Portugal. Os produtos foram especialmente selecionados pelo sommelier brasileiro Gianni Tartari após um estudo sobre a harmonização mais adequada de bebidas com as opções de pratos a bordo.




“Estamos hoje em um nível superior de atendimento no que diz respeito ao menu de vinhos de nossos voos internacionais. Além de oferecermos produtos refinados e até mesmo premiados, pensamos na experiência de absolutamente todos os Clientes, com investimentos tanto na Azul Business quando na classe econômica. Do nariz à cauda da aeronave, todos a bordo poderão desfrutar de bebidas exclusivas e de muita qualidade”, comenta Claudia Fernandes, diretora de Marketing e Comunicação da Azul.

Na Azul Business, os Clientes poderão degustar o Champagne Grande Reserve Brut J. De Telmont, um blanc de blanc, 100% chardonnay, elaborado na região de Champagne, na França. A bebida traz uma fina e elegante espuma, que de início mostra aromas frutados, como pera ligeiramente vínica – após aeração, revela notas de marmelo, maçã, pêssego, frutas brancas e toques florais.

Entre os vinhos brancos servidos na Azul Business estão Vermentino di Sardegna 300 Giorni di Sole, elaborado a partir de uvas de vermentino da Sardegna (Itália) e que apresenta cor amarelo palha com reflexos esverdeados, aroma vínico, equilibrado, mas expressivo em aromas frescos de maçãs maduras. Já o Chardonnay Les Vignes de Madame Domaine de La Baume, produzido no sul da França, apresenta cor amarelo dourado brilhante, e mostra aromas de raspa de tangerinas frescas, pera, manteiga e abacaxi maduro.

As duas opções de vinhos tintos na Azul Business são Sericaia Tinto Alentejano (Portugal) e Château Prieuré Lescours, Saint-Émilion Grand Cru, Bordeaux (França) O primeiro é um alicante bouschet do Alentejo, de cor vermelha intensa e de reflexos rubi, aroma com notas de torrefação e frutos maduros, de ótima intensidade e persistência. O tinto de Bordeaux, por sua vez, é uma mescla de merlot e cabernet franc, envelhecida por 18 meses em novas barricas de carvalho, cujo resultado é rico em aromas de baunilha e frutas vermelhas, com taninos macios e sedosos. Fechando as opções da carta de vinhos na Azul Business, o vinho do Porto Graham’s Tawny 10 years old, com origem no Douro, em Portugal, apresenta aromas de frutas secas, combinadas com notas de mel e figos. Ao paladar é intenso, maduro, com sabores de frutas bem maduras.

“A nova carta de vinhos da Azul Business traz opções muito interessantes para as harmonizações. Dois vinhos brancos, o Vermentino, que é bastante leve e refrescante, perfeito para as entradas mais leves, e o Chardonnay, mais encorpado, firme, com leve toque de carvalho, ideal para os pratos à base de peixe. Entre os tintos, o português do Alentejo tem um estilo mais moderno, frutado e muito macio, ótimo com os pratos elaborados com aves. Já o clássico Bordeaux, com seu intenso aroma e estrutura levemente mais encorpada, acompanha à perfeição as carnes vermelhas. Para as sobremesas, pensei num vinho fortificado e maravilhoso. Escolhi o Porto Graham’s Tawny 10 years old que é sedoso, envolvente, muito potente nos aromas e deliciosamente equilibrado”, explica Gianni Tartari, Sommelier da Azul.

Na classe econômica, a companhia ofertará aos Clientes dois vinhos italianos. O Almarosa Bianco (vinho branco) é original da Toscana, produzido a partir das uvas trebbiano toscano e chardonnay, com cor brilhante de reflexos esverdeados. As notas são de frutas tropicais doces como abacaxi e banana, completadas por fragrâncias florais de acácia. Já o Almarosa Primitivo (vinho tinto) vem da região de Puglia e é produzido a partir da famosa uva primitivo. O destaque é sua cor vermelha brilhante, com reflexos púrpura, com aromas de frutas vermelhas bem maduras, de modo a lembrar geleia de morango.

A escolha dos vinhos – sommelier Gianni Tartari visitou vinícolas na Itália, na França e em Portugal para sugerir as novas opções de vinhos a bordo das aeronaves que cumprem os voos internacionais de longa distância da Azul. As decisões foram tomadas a partir da harmonização com o menu dos serviços de bordo na Azul Business e da classe econômica.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *