Base Aérea de Anápolis abre as portas no último ano dos Mirage 2000

47

Nos dias 5 e 6 de outubro de 2013 a Base Aérea de Anápolis abriu seus portões ao publico para apresentar atividades aéreas à população goiana e contribuir com a cultura aeronáutica. A Equipe do AEROIN esteve presente e trás para vocês tudo que rolou por na base do Jaguar e do Guardião, na despedida dos Mirage 2000C/B.

 

Texto: Ícaro Roberto

 

A primeira visão, ao adentrar a Base, foi das células dos antigos Mirage III, aposentados em 2005 pela Força Aérea, aeronaves que cumpriram sua missão após 33 anos de história na FAB, sempre alertas para impedir qualquer ameaça ao território brasileiro.

A competente equipe da Imagem Produções, organizadora da parte civil do evento, garantiu o entretenimento do público com a preparação de vários espaços, usados para o comércio de todo o tipo de artigos, desde roupas, artesanatos e semi-jóias, completando a excelente estrutura do evento, uma feira de artigos para animais de estimações uma grande e variada praça de alimentação.

A Esquadrilha da Fumaça foi representada pelo novo avião A-29, que pousou na base goiana, para demonstração estática.Apresentações de rapel e salvamento em casos de seqüestro foram feitas pelo Grupo de Radiopatrulha Aérea do Estado de Goiás, o GRAER-GO, com seu helicóptero AW-119 Koala, dentre outras novidades esteve também o guardião do pré-sal o P-3 Orion. A Esquadrilha Textor, esquadrilha de acrobacia aérea com aviões civis, se apresentou nos dois dias, com duas exibições por dia.

 

66

46

49

48

38

232826

No caso dos donos da casa, eles fizeram bonito e levantaram o público, houve quem disse que estavam “tocando o terror”, foi empolgante! Na verdade deixará saudade, pois foi a ultima demonstração ao publico dos caças franceses Dassault Mirage-2000C/B (F-2000C/B). Depois de 7 anos de serviços no Brasil, encerram suas atividades no dia 31 de Dezembro de 2013. Seis aeronaves, de uma frota de doze, já estão paradas e suas peças servem de reposição para os outros seis em atividade.

Enquanto o governo não resolve o andamento do programa FX-2, que prevê a compra de 36 novos caças e já se arrasta por mais de 12 anos, o provável substituto do Mirage no Esquadrão Jaguar será o F-5 – ex-Força Aérea da Jordânia – recém modernizado pela FAB/Embraer. Para um país do tamanho do Brasil, sua importância regional e recursos hidro-minerais, ficar com esse deficit é muito temerário para a defesa nacional e o governo já deveria ter concluído esse projeto há anos.

Depois de muito papo e muitos clicks, o Capitão Gadelha nos buscou na pista, de ônibus, e na despedida uma foto oficial dentre dois Mirage marcou todo nosso encontro e as experiências que nos foram proporcionadas.

Ficou na memória e nas fotos, o último pouso do Jaguar 238 (FAB-4941), o ultimo Mirage 2000 a se apresentar ao publico, em sua terra, Anápolis.

 

21

20

02

34

03

36

1376455_10202265270537335_1568524679_n

 

O AEROIN Agradece, toda cordialidade e disposição em nos ajudar a Imagem Produção composta pela Diretora Sirley, e as assessoras de Imprensa Julia Peres e Gleyce Kelly, o Comandante da Base Aérea Cel. Sergio Bastos, e ao Capitão Gadelha, e a todos os colegas dos sites parceiros presentes.

 

 Confira o álbum com fotos de Ícaro Roberto e Rômulo Lemes