Boeing entrega primeiro 737 MAX na América Latina, para a Aerolíneas Argentinas

A Boeing e a Aerolíneas Argentinas celebraram hoje a entrega e o debut comercial do primeiro 737 MAX da empresa aérea, que é a primeira operadora do novo modelo na América Latina.




O avião chegou na semana passada na Argentina e hoje realizou o seu primeiro voo comercial entre Buenos Aires e Mendoza. “A adição do 737 MAX para nossa frota é mais um exemplo do crescimento que estamos planejando para a nossa companhia”, disse  Mario Dell´ Acqua, presidente da Aerolíneas.

A Aerolíneas tem tido um grande crescimento, com aumento de 15% no número de passageiros no ano passado e 22% no acumulado de 2015 até hoje. Para seguir este crescimento, a empresa pretende receber 12 737 MAX, utilizando-os nos voos domésticos e para o Caribe em 2018.

O Boeing 737 MAX é o avião que vendeu mais rapidamente na história da Boeing, com mais de 4 mil pedidos até hoje. Com novos motores CFM LEAP-1B, o consumo da aeronave é 15% menor em relação à série anterior da família 737. O modelo da Aerolíneas leva até 170 passageiros e tem um alcance de 3.515 milhas náuticas (6.510 quilômetros).

Pela Assessoria de Imprensa da Boeing.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.