Boeing fecha venda de 75 unidades do 737 MAX para a Avolon

A Boeing e a companhia internacional de leasing Avolon finalizaram ontem um acordo para a venda de 75 unidades do 737 MAX. O memorando de entendimento anunciado no Paris Airshow 2017, no valor de quase $11 bilhões de dólares a preço de tabela, inclui ainda mais 20 opções de compra.




O pedido firme de 75 unidades contempla 55 aeronaves do modelo MAX 8 e 20 do modelo MAX 10. Este é o maior pedido já feito à Boeing pela Avolon, que agora passa a contar com 140 aeronaves MAX encomendadas. A empresa de leasing possui sua sede em Dublin, na Irlanda, e até setembro de 2017 contava um total de 915 aeronaves sob sua administração.

 
Informações pela Assessoria de Imprensa da Boeing.
 

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.