Boeing vai reduzir a produção do 747-8.

Boeing_747-8F_N5017Q_in-flight
A Boeing anunciou que vai diminuir a produção do 747-8 para uma aeronave por mês a partir de março de 2016, citando como motivo da redução a desaceleração nas vendas no mercado global de carga aérea. Atualmente o Boeing 747-8 é produzido a uma média de 18 unidades por ano.

A Boeing tem pedidos para 32 aeronaves, sendo 18 na versão cargueira e 14 na versão de passageiros. O Presidente e CEO da Boeing Commercial, Ray Conner, disse em um comunicado que “a recuperação do mercado de carga aérea, que começou no final de 2013, estagnou-se nos últimos meses e diminuiu a demanda para o 747-8 cargueiro. O 747-8 e o seu futuro estão ligados ao mercado de carga”.

A Boeing diz esperar um aumento nas encomendas, levando em consideração a substituição das aeronaves das versões anteriores ao 747-8. Hoje, existem mais de 200 aeronaves em operação das versões mais antigas do 747 cargueirom, por exemplo, e o Boeing 747-8 é o substituto perfeito para as aeronaves.

Luis Neves

É agente de turismo e acompanha a evolução da aviação brasileira desde o final da década de 80. Fotografa tudo o que voa e tem uma das maiores coleções de fotos de aviação do Brasil.

13 Comments:

  1. Uma pena! Cada vez mais sinto que o verdadeiro e único Jumbo vai, aos poucos, sumindo às nossas vistas! ✈️

  2. Uma pena! Cada vez mais sinto que o verdadeiro e único Jumbo vai, aos poucos, sumindo às nossas vistas! ✈️

  3. Infelizmente o B747-8 foi um flop!