Cessna volta ao mercado de bimotores com novo avião feito para FedEx

A Cessna Aircraft, parte do grupo Textron, anunciou hoje a sua retornada ao mercado de bimotores a hélice, com o Cessna Sky Courier 408 – C408. A aeronave, assim como o consagrado C208 Cargomaster, atende a um pedido da FedEx – Federal Express, que encomendou de início 100 aeronaves do novo modelo.




A maior fabricante de aeronaves do mundo em número de aviões produzidos, conhecida tanto por suas aeronaves utilitárias que formaram milhares de pilotos no mundo quanto pelos jatinhos executivos, volta as suas raízes após 30 anos sem fabricar um bimotor à hélice – o último do tipo que saiu da linha de produção no Kansas foi o Cessna 441 Conquest II.

O pedido da FedEx reafirma o compromisso com a Cessna com 50 pedidos firmes e 50 opções de compra do SkyCourier, do inglês Mensageiro do Céu. Ela irá atender pequenas comunidades em aeroportos regionais, levando carga ou passageiros. Será o primeiro bi-motor asa alta da Cessna e compete diretamente com o Embraer E110 Bandeirante (não mais fabricado).

A aeronave é um desenho totalmente novo (clean-sheet) e irá entrar em serviço em 2020. Veja abaixo detalhes sobre esta aeronave:

  • Capacidade para até 19 passageiros ou 3 contâiners LD3 (o mesmo que vai no porão de aeronaves widebodies como o 767, A330, 747 e A350);
  • Carga útil de 6.000 libras / 2.722kg na versão cargo e 5.000 libras / 2.268kg na versão passageiro;
  • Velocidade de cruzeiro de até 200 nós e alcance de 900 milhas náuticas (370km/h);
  • Motores Pratt & Whitney Canada PT6A-65SC de 1.100hp com hélices quadripás McCauley;
  • Decola em pistas de 1.006 metros e tem teto (altitude máxima) opercaional de 25.000 pés (7.620 m);
  • Cockpit com aviônicos Garmin G1000NXi

Pela Assessoria de Imprensa do Textron Group.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.