Comunicado TAM – Paralisação 3 de fevereiro.

12472259_978324175589792_2244629770493317949_n
A TAM Linhas Aéreas informa que, em decorrência da greve deflagrada por aeroviários e aeronautas hoje (3/2), aproximadamente 12 voos foram impactados até as 6h30.

Ciente da importância e da responsabilidade do serviço prestado à sociedade, a empresa está empenhada em mitigar ao máximo os impactos aos passageiros, alheios à sua vontade e, sobretudo, em oferecer o melhor atendimento diante da situação. Aos passageiros e à população, a companhia reitera que a segurança é um valor imprescindível e que todas as suas decisões visam a garantir uma operação segura. Além disso, a empresa oferece a alternativa de:

– Passageiros com voos domésticos agendados entre 6h e 18h ou voos internacionais entre 6h e 8h do dia 3 de fevereiro: estão liberadas as taxas de remarcação e a diferença de tarifas para que antecipem seus voos ou posterguem sua viagem em até 15 dias a partir da data do voo original, mediante disponibilidade.

> Para isso, basta entrar em contato com a Central de Vendas (4002-5700 – capitais e 0300 570 5700 – todo o Brasil), ir a uma loja TAM nos aeroportos ou entrar em contato com a agência emissora de seu bilhete. Ultrapassada a data para remarcação e/ou fora das condições acima, o passageiro permanece sujeito às condições normais de compra e utilização dos bilhetes.

A empresa ainda recomenda que os clientes permaneçam atentos aos seus voos por meio do serviço Status do Voo, localizado em “Serviços” no menu do site (www.tam.com.br) ou pelos canais de vendas da companhia. Além disso, sugere que realizem o check-in antecipado pela internet ou pelo aplicativo da empresa, e que estejam no aeroporto com pelo menos uma hora de antecedência em relação a seu voo doméstico.

A TAM reconhece e respeita o direito de manifestações e espera que o bom senso prevaleça em benefício de todos. A empresa reforça que, durante as negociações, a companhia, representada Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) e o SNEA, esforçou-se para chegar a um acordo na negociação salarial com aeroviários e aeronautas, mas todas as propostas foram rejeitadas.

Por fim, a TAM destaca ainda que as negociações estão em curso e mantém sua confiança no sucesso do diálogo e do entendimento.

Luis Neves

É agente de turismo e acompanha a evolução da aviação brasileira desde o final da década de 80. Fotografa tudo o que voa e tem uma das maiores coleções de fotos de aviação do Brasil.

2 Comments:

  1. As empresas NAO estao repassando aos salários nem a inflacao? Tudo uns bostas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *