Confira os detalhes da chegada da Tocha Olímpica a Brasília.

controladora

Ainda era madrugada do dia 03/05 quando o voo JJ9751 da LATAM, operado pelo Boeing 767-300 de prefixo PT-MSY, entrava no espaço aéreo brasileiro por Recife, recebido pela controladora de tráfego aéreo Sargento Indra Ruana Fraton do Centro Recife (CINDACTA III), que lhe deu as boas vindas saudando o símbolo dos Jogos Olímpicos.

 “A Força Aérea dá boas vindas ao símbolo olímpico que ingressa no espaço aéreo brasileiro. Desejamos que a chama acesa represente não apenas a conquista da vitória, mas a certeza de que teremos uma competição com paz, união e amizade entre as nações.” Essa foi a mensagem deixada pela Sargento Indra, ao receber a aeronave em sua tela de radar.

26189455663_78783ae9cc_b 26189474183_4c937b1f1f_b 26517958700_6580c1d893_b 26790240005_d5838308d7_b

Logo mais tarde, depois de algumas órbitas, ao entrar no espaço aéreo do Distrito Federal a aeronave foi interceptada por dois caças F-5EM sediados na Base Aérea de Anápolis, pertencentes ao esquadrão Jaguar. Logo cedo os dois F-5 subiram no sentido norte de Goiás ao encontro do 767. Ao se aproximar, informou para o comandante do voo JJ9751 que a partir daquele momento eles o estavam interceptando para fazer a segurança do simbolo olímpico até o pouso na capital federal. Em meio a um desfile aéreo, a aeronave fez um sobrevoo pela esplanada dos ministérios e a antena de TV, e em seguida foi para o pouso final.

DSCN5528 DSCN5524

A aeronave era aguardada por dezenas de profissionais da imprensa, que registravam ao vivo todos os detalhes da chegada da tocha olímpica. Além desses profissionais, também foram envolvidos dezenas de militares na operação.

Ao desembarcar Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, posou para diversos cliques aos jornalistas, segurando a tocha, que dali iria percorrer as principais ruas das capital federal.

Enquanto isso na esplanada dos ministérios a Esquadrilha da Fumaça fazia sua homenagem à chegada da chama olímpica e ao início de revezamento da tocha referente às Olimpíadas 2016. O EDA escreveu “RIO 2016” e desenhou os anéis olímpicos no céu de Brasília, acima da Praça dos Três Poderes.

A apresentação da Esquadrilha da Fumaça teve duração de cerca de dez minutos e também contou com a realização de diversas manobras, além da escrita nos céus. As manobras chamaram a atenção de diversas pessoas que estavam ao gramado central da Esplanada.

Confira as fotos do evento feitas pelo enviado especial Gabriel Melo e pela Agência da Força Aérea Brasileira.

O Aeroin parabeniza a todos os envolvidos pela chegada da chama olímpica ao Brasil.

Galeria:

 

Icaro Roberto

Um apaixonado por aviação desde criança, estuda piloto privado no Aeroclube de Goiás, colecionador de prefixo de aeronaves, fotografa tudo, desde aeronaves experimentais monomotor, a aeronaves quadrijato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *