Embraer entrega primeiro Phenom 100E para a Etihad Flight College.

Embraer Phenom 100 Etihad

A Embraer Aviação Executiva entregou o primeiro Phenom 100E para a Etihad Flight College, uma subsidiária integral da Etihad Airways, companhia aérea nacional dos Emirados Árabes Unidos. A aeronave chegou ontem à cidade de Al Ain, sede da academia de treinamento de pilotos iniciantes, após uma viagem de 10 dias, partindo da sede de fabricação da Embraer, em São José dos Campos, no Brasil.

O voo em segmentos, passando por quatro continentes e cobrindo mais de 12.500 milhas, foi comandado pelo gerente de programa de MPL do Etihad Flight College, o Primeiro Oficial Sênior, Timothy Schoenauer. A rota de 18 setores, iniciada no Brasil, passou por duas ilhas do Caribe, Flórida, Virgínia, Maine, Terra Nova, Groenlândia, Islândia, Belfast, Amsterdam, Itália, Grécia, Egito e Arábia Saudita, antes de chegar Al Ain.

“Desenvolvido para alta utilização, com um cockpit de fácil manuseio e excelentes características de voo, o Phenom 100E tem sido considerado a melhor escolha por companhias aéreas para preparação de seus pilotos para operação de jatos multimotor,” disse Marco Tulio Pellegrini, Presidente & CEO da Embraer Aviação Executiva. “É uma satisfação iniciar as entregas de Phenom 100E para a Etihad Flight College, que será a primeira escola de aviação a utilizar a aeronave na principal fase de treinamento.”

Embraer e Etihad Flight College anunciaram um contrato para quatro jatos Phenom 100E em junho de 2015. Uma segunda aeronave está prevista para chegar à sede da academia no fim deste mês. Os outros dois serão entregues no início de 2017.

“O Phenom 100E é uma excelente aquisição para a Etihad Flight College. A tecnologia, desempenho e confiabilidade similares aos aviões comerciais fazem do Phenom 100E a aeronave ideal para treinamento inicial de preparação dos nossos estudantes para operação em rotas”, disse Philip Chandler, gerente-geral. “Nossa academia de treinamento de padrão mundial forma regularmente pilotos bem treinados e altamente qualificados – sendo a maioria dos Emirados Árabes Unidos – para as crescentes operações da Etihad Airways.”

O Phenom será utilizado para instruir os alunos no curso de MPL – Multi-Crew Pilot Licence (Licença para Piloto de Tripulação Múltipla). O MPL é uma abordagem inovadora para o treinamento de voo utilizando aeronaves multimotores. A introdução de operações de Piloto de Tripulação Múltipla no treinamento inicial é mais eficaz, pois as tripulações de voo de companhias aéreas operam como uma equipe – nos formatos mais antigos, os pilotos são treinados individualmente.

A Embraer conta atualmente com mais de 20 pedidos para aeronaves Phenom 100E com propósito de treinamento de pilotos, incluindo opções. Recentemente, o jato foi selecionado para realizar o treinamento dos pilotos das forças armadas do Reino Unido em aeronaves multimotor. O contrato assinado com a Affinity Flight Training Services prevê a aquisição de cinco aeronaves para o programa Military Flight Training System (MFTS), do Ministério da Defesa do Reino Unido.

O Phenom 100E, primeiro jato leve da Embraer desenvolvido do zero, estabeleceu novos padrões para o mercado. A aeronave já é utilizada em escolas de voo e instruções nos Estados Unidos, Finlândia e Austrália. Uma frota de mais de 330 jatos Phenom 100 está em operação em todo o mundo.

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é assessor de editoria do AEROIN.

Um Comentário:

Comente