EMBRAER inicia produção do Legacy 450/500 nos EUA.

Embraer Executive Jet

A Embraer Executive Jets deu início à produção dos modelos Legacy 450 e Legacy 500 em Melbourne, Florida, em uma cerimônia de corte de laço nessa quinta feira (02), na sua unidade recentemente expandida onde já produz o Phenom 100 e o Phenom 300. Na cerimônia, que contou com a presença de diversas autoridades, como o governador da Florida Rick Scott, a companhia celebrou sua expansão, que adicionou mais 236,000 pés quadrados (22 mil m²) aos já existentes 213,000 pés quadrados existentes no Orlando-Melbourne International Airport.

“Com o apoio do governador Scott e sua equipe da Enterprise Florida, a Comissão de Desenvolvimento Econômico da Florida’s Space Coast, o distrito de Brevard, a cidade de Melbourne, e o Orlando-Melbourne International Airport, estamos dobrando o tamanho de nosso sítio em Melbourne com a adição das linhas de montagem do Legacy 450 e do Legacy 500”, disse Marco Tulio Pellegrini, Presidente e CEO da Embraer Executive Jets. “O crescimento de nossas parcerias é uma recompensa à confiança da comunidade, e a seus líderes visionários”.

A unidade de produção de Melbourne iniciou suas operações em Fevereiro de 2011 e o primeiro Phenom 100 foi entregue em Dezembro do mesmo ano. Em Agosto de 2012, o Phenom 300 foi adicionado à linha de montagem final multi-modelo. Quase 170 jatos Phenom, avaliados em quase USD 1 bilhão, já foram produzidos em Melbourne, principalmente para clientes norte-americanos, mas também para operadores de outros 14 países.

A nova estrutura de 236,000 pés quadrados é composta por um hangar de montagem, uma instalação de pintura, um centro de acabamento, uma instalação de preparação de voo e um novo centro de entregas. A Embraer abrirá 600 novos empregos na área, ampliando o número de contratações até 2020.

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é assessor de editoria do AEROIN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *