História de uma nova comissária de voo da KLM.

mp2klm

Nessa matéria você conhecerá o processo de seleção de Esmee Droog, a comissária de bordo da KLM, linha aérea de bandeira holandesa. Ela era uma estagiária de mídias sociais com medo de avião, mas a paixão a levou aos ares! Confira os passos do recrutamento.

 

Início do processo de recrutamento

O processo de recrutamento consistiu de seis etapas. O primeiro foi o envio do formulário de aplicação.

A agência de recrutamento ‘Randstad’ fez a primeira análise para garantir que eu (e os demais candidatos) tínhamos o perfil esperado de um tripulante. Passada essa fase, há uma série de testes, que examinam o seu conhecimento geral e as habilidades com inglês (são testes difíceis, há de se preparar). Mas tive pontos importantes em todos eles o que significou me passar para a terceira etapa do processo. Estava evoluindo!

 

Um piercing no nariz = no-go

O terceiro passo foi um meet & greet, conversa com dois recrutadores. Embora não tivesse ideia do que esperar, coloquei o meu melhor terno (uma blusa com flores azuis e uma saia) e fui. Confesso que tinha um pouco de soluço quando cheguei no Schiphol (aeroporto de Amsterdam).

Por vários anos eu mantive o nariz perfurado e sempre pude usar meu piercing em trabalhos anteriores. Mas eu sabia que os tripulantes não podem usá-los, assim como tatuagens aparentes, por isso decidi tirá-lo quando já estava a caminho do aeroporto. Mas ele não saia! Estava preso ao meu nariz. Me senti condenada a perder a chance que tanto esperei.

Pensei comigo mesmo: “deveria ter feito isso em casa”. Mas eu estava decidida, corri para a joalheria mais próxima e pedi um alicate ou tesoura para tirar a coisa fora. Corri, expliquei minha situação à (muito, muito adorável) senhora atrás do balcão e depois de algumas tentativas consegui me libertar da minha bola e com corrente (literalmente). Foi a melhor decisão!

 

mp4klm

 

Tensão pré-dinâmica de grupo

Quando cheguei para a dinâmica, podia sentir a tensão no ar. Fomos enviados para salas separadas em grupos de quatro. Quando foi a minha vez de falar, resolvi dizer aos recrutadores sobre as minhas experiências anteriores com a KLM e como me senti durante o voo que fiz com a empresa para o Canadá.

Também contei que como aquele voo, tranquilo, com comissários atenciosos, me ajudou a superar o medo de voar e que, desde então, eu não queria nada mais do que ser parte da equipe “azul” novamente. O dia terminou com uma conversa em inglês, em que tivemos que discutir como lidar com as diferenças culturais a bordo de um avião. Muito difícil, mas muito interessante!

Um dia depois recebi um telefonema em que fui informada de que havia feito um bom trabalho e recebi o convite para participar da dinâmica “de verdade”, uma semana mais tarde! Comemorei essa etapa com um jantar de sushi naquele dia.

 

mplogomaterias

 

A famigerada dinâmica

A etapa mais nervosa, mas também a mais emocionante do processo foi definitivamente a dinâmica de grupo.

Em grupos de seis, tivemos que jogar um jogo chamado “Destination Unknown” (Destino Desconhecido). Através da comunicação por mímicas, tivemos que trocar cartões com outros grupos a fim de montar uma rota de da KLM. Eu acho que nós deveríamos desembarcar em São Paulo, em vez disso, pousamos no Oceano, junto à costa do Brasil. Perto o suficiente, não é? (risos).

Durante o jogo, eu esqueci que estava sendo “avaliada” pelos recrutadores. Foi muito divertido e eu procurei ser “eu mesma”, mostrando honestamente como eu funciono em grupo e como reajo à pressão do tempo. Acho que eles estavam à procura de pessoas de cabeça fria, mas apaixonadas e de respostas rápidas. Eu não tinha certeza de que me encaixava nesse perfil, mas estava confiante de que dei tudo de mim e mostrei-lhes exatamente quem eu sou. Deu certo.

 

A entrevista final

Mais uma vez, eu passei para a próxima fase. Esta entrevista foi a chance de mostrar que estava prontas para ser uma tripulante. Falei a eles sobre trabalhos anteriores e como eu tinha respondido a situações estressantes, além de como minhas experiências tinham me transformado em uma pessoa melhor. Foi uma conversa franca.

Após a entrevista, me senti relaxada, como que um peso houvesse sido tirado dos meus ombros. Eu tinha feito tudo o que podia e agora era tempo de esperar o resultado.

E a festa começou no dia seguinte. Logo cedo recebi um telefonema: “Parabéns! Você conseguiu o emprego!”, disse a voz do outro lado. Nem preciso dizer que pulei de alegria o resto do dia (e bem, eu não paro de pular até agora).

 

mp3klm

 

O que vai acontecer à seguir?

Em 6 de Junho meu treinamento será iniciado. Se eu completar todo o treinamento de forma positiva, eu serei oficialmente uma comissaria de voo. Isso significa que vou estar trocando meu tênis por sapatos com saltos de 7 cm, esquecendo todas minhas roupas negras e transformando-as em um azul royal , deixando meu escritório e minha casa, para estar em qualquer lugar do mundo.

Publicado originalmente no Blog da KLM.

 

mp1klm

  • Felipe Valerio

    Impressionante!

  • Karina Monteiro Szatkovski

  • Thainá Melo

  • Paulo

    Que linda

  • Raíza Andrade Vivi Miranda Vanessa Coelho Gille Mara Reis Felipe Sá Gille Edson Pavão Izabela Souza Isabela Nabut

  • Renata Carvalho

    Quanto amor :’)