IBAS2017, maior evento aeronáutico da história do Brasil, foi lançado hoje.

50th Paris Air Show

Foto: Paris Airshow – Le Bourget, um dos maiores do mundo.

Hoje o salão nobre do RIOgaleão – Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro abriu as portas para o lançamento do International Brazil Air Show (IBAS), o maior evento aeronáutico do Brasil.

O IBAS acontecerá entre os dias 29 de Março e 2 de Abril de 2017, neste mesmo aeroporto e sua proposta é alinhar negócios e entretenimento. Será o maior evento nacional após a Olimpíada e o primeiro do gênero no Brasil. A expectativa é que reúna mais de 200 expositores dos setores aeroespacial, aeroportuário e fornecedores da aviação civil, militar e executiva. O objetivo é promover a interlocução entre os agentes da cadeia produtiva do setor aéreo, desenvolvendo melhorias para o mercado.

Nos moldes dos maiores salões do mundo, o evento também contemplará em sua programação uma exposição de aeronaves e equipamentos, shows aéreos e simuladores de voo para atrair o grande público. Espera-se que mais de 100 mil pessoas passem pelo evento durante os cinco dias.

Luiz Rocha, presidente do RIOgaleão comemora: “é a primeira vez que um evento desse porte acontece no Brasil e recebê-lo no RIOgaleão significa, para nós, o reconhecimento do trabalho que a nossa equipe tem realizado desde o início da nossa operação, em Agosto de 2014, reflexo dos investimentos e melhorias que já são visíveis no aeroporto. Em 2017, quando acontecerá o International Brazil Air Show, os passageiros terão um aeroporto compatível com os mais modernos do mundo e que será motivo de orgulho para os brasileiros”.

Responsável por cerca de 1,6 milhão de empregos, incluindo o trade turístico, o setor aéreo contribui com 1,3% do PIB do país. As empresas nacionais têm mais de 600 aeronaves na frota comercial e a aviação executiva é a segunda maior do mundo, com 1.650 aeronaves, o que representa 5% do total mundial; além dos aviões militares brasileiros servirem a mais de uma dúzia de forças aéreas estrangeiras, inclusive a da França, do Reino Unido e dos Estados Unidos.

Devido ao processo de concessão de aeroportos, estima-se que cerca de R$ 8,5 bilhões sejam injetados no setor aeroportuário ao longo dos próximos anos.

Em 2014, a Embraer anunciou o lançamento de um fundo de investimento em participações para o setor aeroespacial em conjunto com o BNDES e outros dois parceiros, com patrimônio inicial de R$ 131 milhões. Por sua vez, a fabricante americana Boeing declarou que as perspectivas de mercado preveem que a América do Sul demandará mais de 3 mil aeronaves nos próximos vinte anos, sendo que 40% serão destinados ao Brasil.

É nesse contexto de amplas oportunidades e muito investimento que acontece o IBAS – International Brazil Air Show.

Paula Faria, diretora executiva da SATOR e responsável pelo evento define: “o Brasil tem se mostrado uma potência aeroespacial, atraindo a atenção de grandes empresas e investidores do setor. O ano de 2017 será mais uma oportunidade de atrair a atenção do setor com a primeira edição do IBAS. A projeção é que a feira gere mais de R$ 1 bilhão em negócios, além de oportunidades de relacionamento sem precedentes na história do Brasil”.

As novidades podem ser acompanhadas no site http://www.internationalbrazilairshow.com/