Jatos da Embraer devem ser escolhidos para a expansão regional da TAM.

TAMe190

Um dia após a aprovação do plano para desenvolvimento da aviação regional, a TAM anunciou que deseja adquirir jatos regionais para a realização de rotas no interior do Brasil. A notícia por si só já é excelente para o Brasil, mas ganha importância no momento em que é sabido que o principal fornecedor para esses jatos deve ser a Embraer e que o acordo deve ser anunciado ainda no primeiro trimestre de 2015.

A necessidade da companhia é de 18 jatos com capacidade entre 75 e 110 assentos e a negociação com a Embraer pode ser facilitada a partir da possibilidade de financiar os jatos através de linha de crédito do BNDES. Uma informação antecipada por Marco Antonio Bologna, presidente da TAM S/A, é que a busca é por jatos e não turboélices.

Essas novas aeronaves deverão integrar a frota até 2018 e vão atender entre 4 a 6 novos destinos por ano, a partir de 2015. Além disso, a empresa ainda anunciou que vai investir R$ 11 bilhões em frota até 2018, envolvendo encomendas de mais 50 aeronaves.

A imagem acima dá a ideia de como seria um Embraer 190 nas cores da TAM. Que tal?

Curta nossa página no facebook.