KLM explica o que acontece com o seu corpo ao ingerir bebidas alcoólicas durante uma viagem de avião.

KLM 787 cerveja

As férias estão chegando e, com ela, o número de passageiros aumenta nos principais aeroportos do Brasil e do mundo. Você sabe bem como é: ansiedade e animação para viajar, finalmente ter aquele tempo para a jornada que você tanto esperou, visitar parentes em países distantes, o tão aguardando momento de descanso ou até mesmo para ler um bom livro… Não importa, de qualquer maneira, é uma oportunidade única de riscar alguns itens da sua lista de “coisas a fazer” e de tentar coisas novas.

Na hora de viajar, a bordo do seu voo intercontinental, pouco depois da decolagem, a equipe de bordo vai te oferecer bebida de boas-vindas e… uau! Agora sua viagem está realmente acontecendo! E isso vai deixar qualquer um animado. Mas o que exatamente acontece com o seu corpo quando você ingere bebida alcoólica a bordo?

O que acontece quando você bebe álcool?

Após ingerir bebida alcoólica, a taxa de álcool no sangue leva entre 30 e 60 minutos para atingir seu máximo efeito no organismo. Vale lembrar que consumindo várias bebidas alcoólicas durante um curto período de tempo pode significar que você está esperando seu corpo lidar com mais álcool do que o seu fígado pode processar. Nesse caso, o excesso de álcool passa pela corrente sanguínea não-metabolizado e inalterado. Como consequência, a concentração de álcool no sangue deve aumentar.

Viajando pela corrente sanguínea, o álcool acaba atingindo o cérebro, onde ele atua como um sedativo e retarda as transmissões e impulsos entre as células nervosas que controlam a sua capacidade de pensar e se mover. Embora o álcool seja um depressor, ele também remove inibições, o que pode justificar comportamentos agressivos ou extremamente felizes associados ao seu consumo. Além disso, ele também aumenta o fluxo de fluídos nos seus rins, podendo ocasionar uma desidratação.

O que acontece quando você bebe álcool a bordo de um avião?

Durante um voo, a pressão barométrica na cabine de um avião é menor do que na maioria dos lugares na Terra. É possível comparar com a altitude das montanhas que ficam entre 1.800 a 2.200 metros. Esta diminuição da pressão ambiente reduz a capacidade do organismo em absorver oxigênio, podendo produzir tonturas. Isso é chamado de hipóxia.De modo geral, este não é um problema, mas a sensação poderia ser semelhante a que você tem ao beber álcool. Portanto, se você ingerir bebidas alcoólicas durante um voo, você pode notar essa alteração mais cedo, assim como os comissários de bordo e os outros passageiros, caso você beba demais.

Em outras palavras, por causa do baixo nível de oxigênio no sangue, você pode aparentar ter consumido mais bebida no ar do que em outras situações. Mas, na verdade, a sua taxa de álcool no sangue será a mesma do que se você tivesse ingerido a mesma quantidade de álcool em terra. Um fator complicador é que o ar dentro de aeronaves é muito seco e, juntamente com o efeito diurético do consumo de álcool, o passageiro pode ficar desidratado mais rápido do que em solo.

Então, para combater esse problema, consuma mais água do que bebida alcoólica. Outra dica é minimizar o consumo de alimentos salgados, pois eles podem deixá-lo com mais sede e te levar a consumir líquidos mais rápido.

Qual é a política da KLM para o serviço de bebidas alcoólicas a bordo?

O serviço de bebidas alcoólicas oferecido a bordo pode variar dependendo do seu destino. Na KLM, você pode se preparar para sua viagem consultando o menu (incluindo bebidas) do seu voo específico antecipadamente seja na Economy Class ou na World Business Class. E nos voos intercontinentais são oferecidas de hora em hora bebidas quentes e frias (alcoólicas e não alcoólicas), incluindo café e chá, água, refrigerante, sucos de fruta, cerveja e vinhos premiados.

A segurança e o conforto dos passageiros e da tripulação são prioridades para a maioria das companhias aéreas. Comportamento indisciplinado ou atos que coloquem em risco a tranquilidade do voo, devido ao abuso de álcool ou de outra forma, é uma violação do direito internacional. O piloto no comando de um voo está autorizado a desembarcar ou entregar o passageiro indisciplinado a uma agência de aplicação da lei.

Então, é melhor prevenir do que remediar. Isso inclui beber com moderação quando estiver voando. Aproveite a sua viagem!

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.
  • Marisa Bourg

  • Julia Mayer

  • Muito bom essa matéria, agora explica pq fiquei mais tonto do que devia de fortaleza até Amsterdã kkk

  • Explicaram mas não falaram nada, deveriam falar os riscos de bebidas engordas em voos pressurizados…

  • Eu levantei no meio da turbulência pq precisava muito minar… Tomei um puta ralo em holandês e urine nas paredes com o avião balançando… Mas tomar… Isso a dá encher a cara de Heineken quente no holandês voador

  • Rapha Oliveira Dias

  • Kelly Viotto Dos Reis