KLM inicia testes com Inteligência Artificial para atendimento a clientes.

print-tw-mobilebookingwomen-klm

A KLM – Royal Dutch Airlines dá mais um passo para aprimorar seu atendimento a clientes pelas redes sociais ao iniciar testes com Inteligência Artificial para responder dúvidas de consumidores.

Ao receber uma pergunta por meio das redes sociais, o agente de atendimento recebe automaticamente uma sugestão de resposta por meio de sistema Inteligência Artificial, que é treinado com mais de 60 mil questões e respostas relacionadas à KLM. O agente avalia se a resposta proposta é adequada, ajusta se necessário e envia ao cliente pela mesma rede social.

O sistema aprende com base no que o agente faz, e assim se torna mais inteligente em tempo real, aprimorando sua base de dados e sugestões de respostas.

“A abordagem pessoal é extremamente importante para KLM, já que é isso que define nosso atendimento em redes sociais. Ao aplicar Inteligência Artificial, a companhia consegue responder um grande número de solicitações e ainda manter a abordagem rápida e exclusiva”, comenta Tjalling Smit, Senior Vice-President Digital Air France-KLM.

Segundo Mikhail Naumov, Presidente da DigitalGenius, “Por se tratar de um assunto polêmico, é importante focar em métricas e resultados reais. A KLM é líder na adoção de novas tecnologias e se tornou a primeira companhia global a implantar um produto de aprendizagem profunda para interagir com seus clientes. A implantação do DigitalGenius é um excelente exemplo do que as empresas podem fazer para dar o próximo passo no atendimento ao cliente e capacitar seus agentes a trabalharem com Inteligência Artificial.

A KLM é mencionada por volta de 100 mil vezes por semana em redes sociais e esse número continua crescendo. Um time de 235 agentes de atendimentos engaja, individualmente, em 15 mil conversas. O sistema DigitalGenius AI é integrado diretamente à ferramenta de gestão de atendimento ao cliente da KLM, e fornece aprendizado profundo e inteligência artificial para os agentes em tempo real.

 
Da Assessoria de Imprensa da KLM Royal Dutch Airlines.
 

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é assessor de editoria do AEROIN.

Um Comentário:

  1. Os agentes vão corrigir e configurar as 60 mil respostas durante o período de testes. Depois, não será mais preciso a interferência dos agentes. O sistema será autônomo.
    Será se esses duzentos e poucos profissionais já estão atualizando os currículos?
    Kkkkkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *