KLM passará a operar voos de Los Angeles a Amsterdam somente com biocombustível.

12717440_988796801209196_3224260787588879728_n
A KLM assinou um contrato de três anos com refinarias baseadas em Los Angeles para o fornecimento de biocombustíveis, que serão utilizados em todos os voos entre a cidade californiana e Amsterdam. O biocombustível será fornecido pelas empresas Altair e SkyNRG.

O uso de combustível sustentável é, atualmente, uma das maneiras mais eficazes para reduzir as emissões de CO2 no setor aéreo. Em 2011, a KLM operou o seu primeiro voo comercial utilizando biocombustível, em uma jornada até Paris. Em 2012 foi a vez do Rio de Janeiro receber um evento semelhante, durante a conferência climática RIO+20 e, desde então, inúmeros voos KLM foram realizados usando biocombustível sustentável que foram operados por vários tipos de aeronaves e rotas da empresa, dentro do programa de redução de emissões.

O programa de biocombustíveis da KLM é apoiado pelas empresas ABN AMRO, Accenture, CBRE Global Investors, FMO, FrieslandCampina, Amsterdam Municipality, Heineken, Loyens & Loeff, PGGM, Perfetti Van Melle, and the Schiphol Group. O acordo é que as empresas convertam créditos de carbono entre si ou pagando uma multa caso as emissões ultrapassem os limites acordados. Essa é uma forma de ajudar a transformar a aviação numa atividade mais sustentável.

A KLM é pioneira no uso de biocombustíveis e ganhou o status de “best in class” em termos de eficiência de combustível.

Informações do Travel and Tour World

Luis Neves

É agente de turismo e acompanha a evolução da aviação brasileira desde o final da década de 80. Fotografa tudo o que voa e tem uma das maiores coleções de fotos de aviação do Brasil.

2 Comments:

Comente