LABACE 2017: Maior feira do Brasil completa 15 anos com mais uma edição de sucesso

ESPECIAL

A Latin America Business Aviation Conference and Exhibition, mais conhecida pela sigla LABACE, completou sua 15ª edição durante os dias de 15 à 17 do mês de agosto. A feira, que começou com uma simples exibição no pátio de aviação geral no Aeroporto de Congonhas, completa seu aniversário de debutante como a maior feira de aviação executiva das Américas e a segunda maior do mundo, ficando atrás apenas da europeia EBACE.




Durante os seus 15 anos, a LABACE recebeu mais de 134 mil visitantes, 1.719 exibitores e mais de 603 aeronaves em exposição estática. Sua localização privilegiada no coração de São Paulo é o seu principal atrativo. Situa-se próximo a grandes avenidas e centros financeiros que, somados ao seu tradicional horário de funcionamento estendido até as 21h nos principais dias, atrai muito o público do setor e, principalmente, compradores em potencial, que são o motor de qualquer feira aeronáutica.

Neste ano não foi diferente. Estiveram presentes 40 aeronaves em exposição estática, de todas as grandes fabricantes do setor, como Textron Aviation, Dassault Falcon, Embraer Executive Jets, Gulfstream, Helibrás, HondaJet, Pilatus e Bombardier.

A abertura oficial pelo CEO Flávio Pires, da Associação Brasileira de Aviação Geral, a ABAG, foi uma grande comemoração pelos 15 anos ininterruptos da feira, algo inédito no Brasil. Apesar do momento de recessão econômica, Flávio destacou que a feira mostra o poder da aviação geral brasileira, que agora parece voltar novamente ao crescimento. A cerimônia contou com a presença ilustre de Ozires Silva, fundador da Embraer e a maior mente da aviação brasileira após Santos Dumont. Corte da fita feito, era hora de ver o que a LABACE 2017 tinha para nos mostrar.

  • Textron Aviation / TAM Aviação Executiva

O maior conglomerado de aviação geral do mundo esteve com forte presença na LABACE 2017, representado por sua parceira de longa data, a TAM Aviação Executiva. A Textron Aviation é composta pelas marcas Cessna, Beechcraft, Bell e Hawker, cobrindo todas as categorias de aeronaves executivas. E seu portfólio na feira não seria diferente: expôs o maior número de aeronaves com 8 modelos no total.

O destaque se deu pelo mais novo membro da família JetRanger, o Bell 505. Apresentado na sua versão final pela primeira vez no Brasil, o modelo já tem por aqui o seu segundo maior mercado no mundo. O pequeno porém versátil helicóptero derivado da série de sucesso Bell 206 conta com aviônicos Garmin G1000H de série e diversas possibilidades de configuração, como executiva, aeromédica e policial. A TAM Aviação Executiva vendeu mais uma unidade deste modelo durante a feira.

Além dos helicópteros Bell 429 e Bell 505 Jet Ranger X, a Textron exibiu os jatos Cessna Citation Latitude, Citation CJ3+ e Citation M2, os turboélices Beechcraft King Air 350i e Cessna 208 Grand Caravan EX, e os aviões à pistão Cessna T182 Skylane e Beechcraft Baron G58.

  • Dassault Falcon Jet

Um dos stands mais badalados do evento foi o da Dassault Falcon, empresa presente desde a primeira edição da LABACE, que trouxe os jatos Falcon 2000, Falcon 7X e o mais novo Falcon 8X.

Falcon 8X e seu predecessor, Falcon 7X

Este último foi uma das grandes estrelas do evento. Uma evolução do 7X, o 8X já angariou 4 clientes no Brasil. Com uma altura interna na cabine de passageiros de 1.88m é um dos poucos jatos executivos em que a maioria das pessoas pode andar dentro da aeronave sem precisar se abaixar.

Dassault Falcon 2000

Mais detalhes sobre a exposição da Dassault Falcon foram passadas pelo CEO e Presidente Jean Rosanvallon, que nos concedeu uma entrevista exclusiva que irá ao ar em breve.

  • Helibrás / Airbus

A LABACE 2017 marcou o lançamento da marca Airbus Corporate Helicopters, dedicada totalmente aos helicópteros executivos do grupo Airbus. No Brasil, é representada pela subsidiária Helibrás, a única fabricante de helicópteros na América Latina.

Simulador do aviônico Helionix

Foram expostas as aeronaves H145 e H130, esta última com novo interior numa cor que chamou toda a atenção do público. Inclusive fizemos um vídeo 360º mostrando os detalhes dele, que você confere abaixo:

Além disso, foi demonstrado ao público o simulador dos aviônicos Helionix, que conta com três telas multifuncionais que integram diversas funções, como mapa digital, visão sintética, percepção situacional aumentada e um novo conceito de alertas para a tripulação, entre outros diferenciais. Além disso, o sistema dispõe do piloto automático de quatro eixos mais avançado do mercado. Essas características oferecem maior flexibilidade e segurança para as operações.

  • HondaJet / Líder Aviação

O HondaJet é a primeira empreitada da empresa japonesa na aviação, e mesmo num mercado tão disputado como o dos VLJ (very light jets – jatos muito leves), tem se destacado pela sua inovação. A marca registrada do japonês são os motores sobre as asas fazendo um design único.

A empresa é representada no Brasil pela Líder Aviação, que fez um grande e belo stand. Os visitantes eram convidados para uma experiência 3D com óculos VR, que levava o convidado a um tour 360º pelas instalações da Líder no Rio de Janeiro e a um voo no HondaJet com vista da cabine.

  • Bombardier 

A empresa canadense Bombardier foi outra expositora que trouxe seus maiores jatos para a LABACE 2017. O reconhecido Challenger 350 e o Global 6000 foram as aeronaves demonstradas ao público presente.

O Global 6000 impressiona pelos números: o jato pode ligar São Paulo a Lisboa, Madrid, Nice ou Londres sem escalas, com oito passageiros e quatro tripulantes a bordo. Se o jato de 30 metros de comprimento já impressionava pelo seu alcance e sua cabine de dois ambientes, o Global 7000 que está pra ser lançado é 4 metros maior e será o maior jato executivo já feito pela Bombardier. As expectativas são grandes para este jato e é esperado que ele esteja presente na LABACE 2018.

  • Gulfstream Aerospace

Seus aviões são famosos pelos recordes de alcance e por suas asas únicas, e foi possível ver estas máquinas na LABACE 2017. O pequeno mas poderoso G280 foi exibido pela primeira vez na feira e, mesmo sendo o menor avião oferecido pela fabricante, mantém as caracterítiscas dos outros aviões fabricados pela Gulfstream, como longo alcance e alta velocidade.

Também foi exposto o G550, jato de médio alcance e irmão do G650, o maior jato da empresa.

  • Embraer Executive Jets

A empresa brasileira possuía um dos maiores stands em uma área ampla, expondo cinco aeronaves: os best-seller Phenom 100 e 300, os novos Legacy 450 e 500, e o Legacy 650E, que foi apresentado com uma nova pintura especial em azul degradê que chamou a atenção do público.

Legacy 650E com uma nova pintura especial

A Embraer também promoveu suas inovações na área de serviços, que colocam a companhia no topo das pesquisas de satisfação do cliente. Com a maior estrutura de suporte instalada no Brasil, os clientes dos 180 jatos executivos Embraer de matrícula nacional contam com uma ampla rede de oficinas próprias e autorizadas e representantes técnicos pelo país, central de atendimento e engenharia na sede da companhia em São José dos Campos-SP, centro de treinamento de pilotos em Guarulhos-SP, e amplo estoque de peças nacionalizadas.

Além disso, a Embraer oferece no aeroporto de Sorocaba-SP uma gama de serviços para proprietários de modelos de aeronaves de todas as marcas, como salas VIP, escritórios, lounges de embarque, hangaragem, coordenação de abastecimento de combustível e serviços de limpeza dedicados.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *