LATAM Airlines pretende voar para Israel em 2018

O Grupo LATAM Airlines e suas filiais anunciam hoje (8/11) a intenção de iniciar operações para Tel Aviv (Israel). O voo será operado pela LATAM Airlines a partir de Santiago do Chile com escala em São Paulo (SCL-GRU-TLV) e ainda depende das aprovações das autoridades regulatórias.




O novo voo deve contar com três frequências semanais a partir do fim de 2018, permitindo conexões para passageiros de toda a América Latina. O modelo de aeronave não foi confirmado mas é esperado que seja o Boeing 787 Dreamliner. Será a primeira rota da LATAM para a Ásia.

Em outubro, o Grupo LATAM Airlines já havia anunciado três novos destinos internacionais: Roma, Lisboa e Boston. As passagens aéreas para Roma já estão disponíveis nos canais de venda da companhia, que ainda aguarda as aprovações das autoridades regulatórias para confirmar as operações para Boston e Lisboa.

Com quatro novas operações internacionais, o Grupo LATAM Airlines terá 144 destinos em 27 países. Desde o início de 2016, a companhia já anunciou e lançou 26 novas rotas internacionais – como São Paulo-Joanesburgo, Lima-Barcelona, Lima-Washington DC, Santiago-Melbourne e Lima-San José, na Costa Rica.

Retorno da conexão direta com a terra santa

Considerado um local sagrado por cristãos, judeus e islâmicos, a região aonde é hoje Israel tem forte conexões com o Brasil, que tem a população de maioria cristã e também conta com grandes comunidades judaicas e islâmicas. A conexão direta entre os dois países já foi feita pela aérea israelense El Al.

A companhia chegou a operar para o Brasil com o 777-200ER, mas a rota foi cancelada em 2011 devido ao alto preço do combustível associado aos desvios necessários pelo fato da companhia estar proibida de sobrevoar a maioria dos países árabes, além de atritos na época entre os governos brasileiro e israelense.

O voo da LATAM entre São Paulo e Tel Aviv deve durar em torno de 14 horas, sendo também a rota mais longa da companhia a partir do Brasil, e o segundo mais longo do Grupo LATAM, ficando atrás da rota Santiago – Melbourne com 15 horas de voo.

Com informações da Assessoria de Imprensa do Grupo LATAM

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.