LATAM Cargo transporta pinguim do Rio de Janeiro para Porto Alegre.

TAM Cargo Boeing 767

A LATAM Cargo Brasil, unidade de cargas da LATAM Airlines Brasil, transportou um pinguim do Rio de Janeiro para Porto Alegre no dia de ontem (21), em uma parceria com a Polícia Federal e apoio do IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis).

O animal estava num cativeiro ilegal na Zona Sul da capital fluminense e foi levado para o Centro de Reabilitação de Animais Marinhos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. O voo JJ3411 decolou às 9h33 do Galeão, no Rio de Janeiro, e pousou às 11h10 esta quarta-feira em Porto Alegre.

pinguim-latam-cargo-1
A LATAM Cargo Brasil é especialista no transporte de diversas espécimes, operação complexa que sempre envolve profissionais capacitados, procedimentos e cuidados específicos para garantir a integridade física dos animais. Durante o embarque, transporte e desembarque, o manuseio das caixas é realizado com todo o cuidado, por profissionais treinados, sempre respeitando a legislação vigente e as características das espécies a serem transportadas. Dentro da aeronave, as caixas que acomodam os bichos são alocadas em locais com ventilação adequada e mantidas presas no chão do compartimento, para impedir qualquer deslocamento. A temperatura do ambiente, outro item importante, é controlada de dentro da cabine do piloto, o que aumenta a segurança durante o voo.

A parceria entre a LATAM Cargo Brasil e o IBAMA foi iniciada em 2009 e, desde então, a empresa já ajudou a transportar mais de 3 mil animais em risco de extinção ou apreendidos em cativeiro ilegal no Brasil.

pinguim-latam-cargo-2

Pela Assessoria de Imprensa da LATAM Cargo Brasil.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.