LATAM finaliza acordo para sub-leasing de A350 para a Qatar.


O Grupo LATAM Airlines finalizou hoje um acordo para realizar o sub-leasing da primeira de quatro de suas aeronaves Airbus A350 XWB para a Qatar Airways.




A primeira aeronave já foi entregue para a Qatar Airways, e conforme adiantamos aqui, já foram definidos matrículas e destinos dos A350 transferidos. 

Os contratos de subarrendamento serão feitos para períodos entre 6 e 12 meses, com possibilidade de prorrogação. Durante este período, a Qatar será exclusivamente responsável pelo controle operacional das aeronaves.

Com a medida, a LATAM segue empenhada em flexibilizar seu plano de frota, alinhando-o às necessidades operacionais e às condições do mercado.

Para tanto, o Grupo avalia constantemente o seu plano de frota e tem a capacidade de expandir, racionalizar ou adequar seus requisitos de frota de acordo com a demanda de cada país onde opera e também analisando as condições gerais de sua malha.

A LATAM Airlines Brasil seguirá operando o restante de sua frota A350 XWB nas rotas São Paulo – Madri e São Paulo – Paris e o Grupo continua comprometido com a busca de modelos de negócios que ofereçam aos passageiros a melhor e mais moderna frota da América Latina.

Informações pela Assessoria de Imprensa da LATAM Airlines Brasil.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.

74 Comments:

  1. Mas essas aeronaves poderão voltar para a Latam quando o acordo de leasing acabar?

  2. E nós ficamos com os aviões velhos sem manutenção

  3. Imagine
    Pra lotar um 767 são apenas 221 passageiros. No A350 são 348 PAX. Nessa crise fudida que o BR está, tem que fazer isso mesmo…

  4. Uma pena. Mais uma faceta da crise a que estamos submetidos. Viajo com certa frequência e, preferencialmente, vou de LATAM. Vamos ter que nos contentar com os velhos 767 da ex-LAN, enquanto o mundo avança na trilha da modernidade.

  5. fulegari pq n mandaram as porcaria dos 767 logo os com cores LATAM mano q merda kkk

  6. Talvez seja somente o começo e que Latam possa se desfazer dos 350 todos e se concentrar na comunabilidade de aeronaves dentro do grupo, tanto narrow quanto widebodies. Claro que isso é pura especulação de minha parte, mas não deixa de ser um cenario que pode ser considerado.

  7. E do jeito que a América Latina anda não vai aguentar as gigantes internacionaie e nem as Low-cost que ja esta papando pelas beradas

  8. que triste e vergonhoso para uma cia aérea do porte da Latam que se diz ser ” a maior da América do Sul”

  9. Os chilenos ficam con os 787 novos y mandan os velhos 767 pra o Brazil…. Shoooooow

  10. Tem que fazer a instalação no serviço Wi-Fi a bordo.

  11. Ainda bem que são apenas os da LATAM
    O primeiro A350 das América ainda na cor antiga dá TAM ainda vai continuar com a TAM operando no Brasil

  12. a Latam (chile) tinha q repassar pelo menos 3 787-8 pra latam (brasil) pra substituir os 2 ou 3 antigos 767 que estao na frota. Nao estou falando dos 3 ex Alitalia que eu sei que ja foram embora., mas ao que parece dentro da frota atual de 767 tem 3 de mais ou menos 18 anos.

  13. A350 de Guarulhos para Orlando não tem mais !!!! Péssimo.

Comente