Lufthansa recebe seu segundo A320neo

LH 2 A320neo

A alemã Lufthansa recebeu seu segundo Airbus A320neo em Hamburgo.
Seu primeira A320neo , movidos por motores PW1100G da Pratt & Whitney, foi entregue 20 de janeiro após um atraso do  narrowbody que tinha cronograma planejado para o fim de 2015. O motor foi certificado em novembro, mas em dezembro Qatar Airways deu um passo para trás como o primeiro operador previsto, devido às restrições do motor.
Ele vai continuar operando em rotas domésticas dentro da Alemanha até que seus problemas de motor são resolvidos, presidente e CEO da Lufthansa Carsten Spohr disse em uma cerimônia de entrega de Hamburg Finkenwerder para o segundo A320neo da companhia que é a maior operadora de aeronaves Airbus no mundo.

A Pratt & Whitney está trabalhando em alterações de hardware e uma atualização de software para o PW1100G. Até que essas mudanças são feitas, o motor fica em marcha lenta durante três minutos seguintes á inicialização antes que ele possa prosseguir para táxi pelos seus próprios meios. “É realmente um problema de software e espero que até Abril a maior parte isso será resolvido”, disse o presidente da Pratt & Whitney, Robert Leduc.

“O A320neo está dentro de um modo de introdução, que opera em um envelope de vôo reduzido devido a problemas de inicialização. Houve quatro cancelamentos de voos [desde o início de serviços regulares] “, disse Spohr. “Assim tivermos os problemas resolvidos, a aeronave vai voar em toda a rede.”

Lufthansa Technik traçou todos os fundamentos técnicos, operacionais e de pessoal para suporte técnico completo do A320neo. Na primeira etapa, os funcionários do centro de Frankfurt foram treinados em Hamburgo e Munique, e equipados com os recursos necessários.

Spohr confirmou que a Lufthansa irá adicionar cinco A320neos à sua frota este ano.
O Grupo Lufthansa encomendou 116 A320neos e A321neos. 60 aeronaves serão entregues com o novo motor PW1100G-JM de Pratt & Whitney. “Isso é bom para o nosso balanço, porque os preços dos combustíveis não vai ficar em níveis baixos para sempre”, disse Spohr.

CEO da Airbus Fabrice Brégier disse na cerimônia de entrega: “Este é o início de uma longa jornada para se certificar de desempenho operacional e aumentar a confiabilidade [para o A320neo], para melhorar algumas questões técnicas, e mais importantes.”

O A320neo está programado para reduzir o consumo de combustível em  15% combustível em relação ao A320ceo, e aumentando a eficiência para 20% até 2020.
Brégier disse, o primeiro A321neo será entregue ainda este ano. Ele confirmou á revista ATW que a Índia IndiGo será o próximo cliente a tomar a entrega do A320neo. Entende-se que a Qatar Airways está agora programada para se tornar, pelo menos, a terceiro operadora do A320neo.

Spohr detalhou o maior programa de renovação da frota da empresa, com esse programa serão adicionados 52 novas aeronaves dentro de um ano. “Cada um terço das aeronaves entregue são dedicados para Swiss International Air Lines (SWISS), a Lufthansa e a Eurowings . Isso significa que 10% da nossa frota grupo será substituído para novas aeronaves”.

O Grupo Lufthansa irá adicionar quatro novos tipos de aeronaves em 2016. Além do A320neo e A350 XWB para a Lufthansa, o Bombardier CSeries e o Boeing 777-300ER será entregue à SWISS.

Luis Neves

É agente de turismo e acompanha a evolução da aviação brasileira desde o final da década de 80. Fotografa tudo o que voa e tem uma das maiores coleções de fotos de aviação do Brasil.

4 Comments:

  1. Segundo? No site da Airbus só mostra um (D-AINA)

Comente