Passageiro atrevido causa tumulto em voo e é condenado na justiça.

US AIRWAYS AIRBUS A321

Um passageiro indisciplinado que precisou ser contido pela tripulação em um voo da US Airways foi condenado nesta semana a quatro meses de prisão e 100 horas de serviço comunitário após denúncia relatada por um procurador geral do Estado do Colorado, nos Estados Unidos.

Durante o voo 580 da companhia US Airways em agosto do ano passado, entre a cidade de Filadélfia e Denver, o passageiro, possivelmente alterado, insultava os comissários de bordo e insinuava-se sexualmente para as aeromoças diversas vezes, segundo registros da justiça americana. Os tripulantes acabaram tendo que reunir recursos como café quente e um pegador de gelo caso a situação se agravasse, além de pedir ajuda a outros passageiros, que também ficaram indispostos com a situação.

O juiz federal Raymond P. Moore acatou as denúncias e também condenou Joseph Lynch, de 35 anos, morador de Colorado Springs, a pagar 500 dólares e cumprir 3 anos em liberdade condicional.

“A conduta inapropriada do réu em voo impactou e causou transtorno à tripulação e aos demais passageiros, ele claramente merece a sentença imposta pela suprema corte.” afirmou o procurador estadual John Walsh, relator do caso. “Pela segurança de voo e comodidade do público viajante, esse tipo de comportamento não deve ser tolerado e vai ser vigorosamente investigado como crime federal.” adiciona.


Informações oficiais do Denver Post, traduzidas e adaptadas pelo Aeroin.

André Le Senechal

Pesquisador apaixonado, piloto privado. Aluno de Aviação Civil na Anhembi Morumbi. Respira o ar do Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos. Assíduo praticante de Plane Spotting e Simuladores de voo.

7 Comments:

  1. Karol Ferreira. Juliana Alves Pereira.

  2. No Brasil, ele que iria ganhar a ação contra a empresa aérea.

  3. José Mauricio dos Santos

    toma trouxa,,,

  4. Iumaã Carolina Werner Bacca fica esperta com esses seus xiliques a bordo….