Robinson certifica R44 Cadet e planeja versão do R66 para TV.

R44 Cadet

No último dia 06 de Maio, a Robinson recebeu certificação da FAA para a sua nova variante do R44, a versão Cadet que possui 2 lugares, contando com o piloto, ao invés dos 4 habituais.

Versão nova do R44 conta com o melhor do R22 no corpo de um R44, focando no mercado de instrução e transporte de pequenas cargas em locais remotos. Os bancos traseiros foram removidos, promovendo maior espaço para transporte de pequenos volumes e redução de peso. O peso bruto máximo foi reduzido para 2.200 libras (997kg) e a potência do motor para 210 cavalos na decolagem e 185 cavalos em potência contínua. O menor peso em relação ao R44 Raven I permitiu melhor performance em altas altitudes e em dias quentes, e a potência reduzida aumentou o período de inspeção do motor de 2.200 horas para 2.400 horas, reduzindo custos.

Quando questionado sobre introduzir uma versão de 2 lugares do R44, Kurt Robinson, Presidente e Fundador da Robinson Helicopters, disse: “A resposta é bem simples, nós fizemos tudo que podemos com o R22, e os pilotos – e as pessoas – ainda queriam mais. Eles queriam um R22, porém ainda queriam fazer um treinamento melhor de instrumentos, ou ter um ar-condicionado, ou fazer outras coisas, e francamente, nós levamos ao máximo o projeto dessa aeronave, e não queríamos transpor nenhuma margem de segurança.”

A baixa performance do R22 com equipamentos para voo com instrumentos (IFR), sempre foi motivo de reclamação entre pilotos em treinamento e veteranos, principalmente no Brasil, um país tropical com temperaturas altas na maior parte do ano. Agora o R44 Cadet pode ser uma opção mais viável, podendo vir de fábrica com ar-condicionado, sistema de aumento de estabilidade, piloto automático e já homologado IFR, items impensáveis no R22. O preço base do modelo básico do Cadet é de $339.000 dólares, e de $367.000 dólares na versão com flutuadores no ski.

A Robinson já está aceitando pedidos nos EUA, com estimativa de entrega de 10 a 12 semanas. O modelo ainda não foi lançado no Brasil, mas deverá ser em breve, já que a fabricante americana é líder de mercado com 31% da frota brasileira, totalizando 769 helicópteros dos modelos R22, R44 e R66 no país.

Nova versão do R66 Turbine deverá ser lançada em 2017

O R66 é o modelo mais potente da Robinson, basicamente uma versão do R44 equipada com motor à reação (turboeixo) ao invés de motor à pistão, permitindo maior potência. O modelo R44 encontrou um bom mercado no exterior e no Brasil com emissoras de televisão, uma vez que consegue levar uma câmera giro-estabilizada, piloto, repórter e operador de câmera mantendo um custo mais baixo. Porém tal função foi desenvolvida bem depois do lançamento da aeronave com certificação suplementar de oficinas aeronáuticas.

Agora a fábrica da Califórnia quer que isso seja uma opção de fábrica no R66, que contaria com um sistema electronic newsgathering – ENG. Este sistema seria equipado com transmissores e rádios além da câmera acoplada na fuselagem, permitindo uma transmissão de melhor qualidade e sem perda de sinal. 

Além da versão exclusiva para TV, a Robinson está prestes a lançar um gancho de carga externo para o R44, que poderia carregar até 1.200 libras (544kg). A versão seria um atrativo para combate a incêndio e içamento de cargas especiais. Este modelo deverá estar pronto e certificado um pouco antes da Heli Expo 2017, em Março próximo. 

Informações por VerticalMagazine.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *