Singapore Airlines anuncia a fusão de suas low-costs Scoot e Tigerair.

Singapore Scoot Tigerair

A Singapore Airlines irá fundir suas duas low-costs, a Scoot e a Tigerair, que operam voos internacionais de longo alcance e internacionais short-haul respectivamente. A companhia aérea de Cingapura formou uma nova subsidiária chamada Budget Aviation Holdings, que irá comprar e controlar ambas as companhias aéreas low-cost seguindo a recente saída da Tigerair da bolsa de valores de Cingapura.

A nova companhia de holding “Irá permitir uma integração completa e compartilhamento de funções chave, como em vendas, marketing, TI, planejamento e operações” declarou a Singapore Airlines em nota.

A curto prazo, ambas as companhias irão manter suas marcas individuais. Uma fusão completa irá demandar a revisão de uma enorme quantidade de direitos de slot e certificados de operação de ambas as companhias, o que pode causar alguns efeitos anti-concorrência no saturado mercado de low-costs do Sudeste Asiático.

Atualmente a Scoot conta com uma frota apenas de Boeing widebodies, com 2 Boeing 777-200ER e 9 unidades do Boeing 787 nas versões -8 e -9. Estas aeronaves são configuradas em 2 classes equivalentes a Ecônomica e Ecônomica Premium (ScootBiz).

Já a Tigerair conta com 25 aeronaves Airbus A319 e A320 além da encomenda de 37 A320neo, todos em classe única.

Informações do ATW Online, traduzido e adaptado por AEROIN.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.

Um Comentário:

  1. Tiger é muito honesta. Voei varias vezes dentro da Australia, nada a reclamar. E sinceramente, isso é low-cost. Voos a 39/49 dolares é normal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *