Spotter cria evento no Facebook para compartilhar informações da visita do Antonov 225.

Foto de Vasily Koba (Creative Commons)

Foto de Vasily Koba (Creative Commons)

Durante o feriado de 15 de Novembro de 2016, o Brasil será destino da maior aeronave em operação comercial no mundo, o ucraniano Antonov 225 Mriya, do qual só existe um exemplar voando no planeta. A visita histórica será acompanhada por um grande número de pessoas, seja pelas redes sociais, seja ao vivo no aeroporto.

Com objetivo de compartilhar todas as novidades dessa visita em tempo real, um entusiasta criou até um evento no Facebook (clique aqui para acessar) no qual estão inscritas 1.700 pessoas com interesse em ver o gigante mais de perto. Segundo a descrição do evento, ele convida a todos a “prestigiar a chegada do maior avião do mundo, o Antonov AN225 no GRU Airport. O pouso está previsto às 23:00 do dia 14/11, e sua decolagem às 06:00 do dia 15/11”.

Observação: o AEROIN não tem relação com o evento criado no Facebook, mas também estamos empolgados com a visita desse enorme jato hexamotor. Sim, ele tem seis motores.

 

Detalhes da Operação

Está aprovada a operação no Brasil do maior avião em operação comercial no mundo, o gigantesco ucraniano Antonov AN-225 Mriya. Esta será a segunda vez na história que esse monstro dos ares, do qual existe apenas um exemplar no mundo, pousa em nosso país.

A operação especial entre as cidades chilenas de Iquique e Santiago e São Paulo possui os seguintes dias e horários. Observe que o dia da partida da aeronave é feriado nacional, de modo que todos terão oportunidade de ver a surreal aeronave de mais perto.

  • Dia 14/11 – voo ADB3700 – Iquique 19h30 – São Paulo – Guarulhos 23h00
  • Dia 15/11 – voo ADB3700 – São Paulo – Guarulhos 6h00 – Santiago 9h30

 

Operação anterior no Brasil

Em 2010, a aeronave trouxe turbinas para uma planta industrial da Petrobras no interior de São Paulo. Único no mundo devido a seu nicho peculiar e custo operacional altíssimo, a aeronave causa impacto por onde passa. Em agosto deste ano, a Antonov assinou um acordo de cooperação com a AICC (China) para completar o segundo exemplar e dar continuidade ao projeto AN225 em longo prazo.