TAM flexibiliza regras para minimizar impacto à sociedade durante a greve.

12604940_980383288717214_1225958996276834930_o
A TAM Linhas Aéreas informa que, apesar dos esforços do Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (SNEA) e da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) para se chegar a um acordo na negociação salarial com aeroviários e aeronautas, tendo todas as propostas rejeitadas, as categorias anunciam paralisação das decolagens entre 6h e 8h (horário de Brasília) da próxima quarta-feira, 03/02, em 12 aeroportos nacionais: Congonhas, Guarulhos (São Paulo); Santos Dumont e Galeão (RJ); Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Curitiba (PR), Brasília (DF), Salvador (BA), Recife (PE) Fortaleza (CE) e Campinas (SP).

A empresa ratifica que está ciente da importância e da responsabilidade do seu serviço prestado à sociedade e está empenhada em mitigar ao máximo os impactos aos passageiros, alheios a sua vontade e, sobretudo, oferecer o melhor atendimento diante da situação. Aos passageiros e à população, a companhia reitera que a segurança é um valor imprescindível e todas as suas decisões visam garantir uma operação segura. Além disso, a empresa recomenda que:

1) Passageiros com voos domésticos agendados entre 6h e 18h ou voos internacionais entre 6h e 8h do dia 3 de fevereiro: estão liberadas as taxas de remarcação e diferença de tarifas para que antecipem seus voos ou posterguem sua viagem em até 15 dias a partir da data do voo original, mediante disponibilidade. Do mesmo modo, tanto para voos domésticos ou internacionais, também está disponível o reembolso dos bilhetes marcados para voar entre 6h e 8h, isento de multa, quando assim solicitado pelo cliente.

Para isso, basta entrar em contato com a Central de Vendas (4002-5700 – capitais e 0300 570 5700 – todo o Brasil), ir a uma loja TAM nos aeroportos ou entrar em contato com a agência emissora de seu bilhete. Ultrapassada a data para remarcação e/ou fora das condições acima, o passageiro permanece sujeito às condições normais de compra e utilização dos bilhetes.

2) Fique atento à sua programação de viagem por meio do serviço Status do Voo ou pelos canais de vendas da empresa.

3) Fazer o check-in antecipado pela internet ou pelo aplicativo da companhia, e que estejam no aeroporto com pelo menos uma hora de antecedência em relação a seu voo doméstico.

A empresa alerta ainda os passageiros que podem ocorrer reflexos nos voos domésticos em todo o país no decorrer do dia.

A TAM reconhece e respeita o direito de manifestações e espera que o bom senso prevaleça em benefício de todos. A empresa destaca ainda que as negociações estão em curso e mantém sua confiança no sucesso do diálogo e do entendimento.

Luis Neves

É agente de turismo e acompanha a evolução da aviação brasileira desde o final da década de 80. Fotografa tudo o que voa e tem uma das maiores coleções de fotos de aviação do Brasil.

4 Comments:

  1. A greve é só para o dia 3 ou a ideia é expandir para o carnaval?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *