Tamanho é documento: Air India ameaça demitir tripulantes fora do peso.

3952
A companhia estatal indiana Air India decidiu deixar sem voar ou forçar a se aposentar dezenas de tripulantes de cabine após tê-los advertido repetidamente a perder peso.

Cerca de 130 comissários, na maioria mulheres, estão a perigo de passar pelo corte já nos próximos dias, uma vez que o governo se recusou a rever a causa, após pedido da companhia aérea.

A Diretoria Geral de Aviação Civil emitiu uma nota em Maio de 2014, pedindo para que os membros da tripulação controlassem seu peso, através do Índice de Massa Corporal (IMC). Entretanto, os scores dessas pessoas não chegaram ao padrão esperado pela empresa ao atingir o prazo estipulado, de 18 meses. Os tripulantes foram categorizados como “normal”, “acima do peso” e “obeso”.

O noticiário Sputnik News tentou contato com a empresa e o governo indiano, mas não obteve resposta.

Quando a proposta inicial foi anunciada, em 2014, 600 tripulantes de cabine, homens e mulheres, foram classificados como fora do padrão para voar e a eles foi solicitado que fizessem regime. Naquela época, o governo insistiu que a razão não era vergonha ou apresentação comercial, mas que foram um pedido das áreas técnicas e que não podiam ser revogadas.

Publicado no SputnikNews