A um ano da Copa do Mundo, Rússia recebe Mundial de Corrida Aérea pela primeira vez.

Enquanto a Copa do Mundo de 2018 não começa, a Rússia já se prepara e aquece o público com um evento inédito no país: o Red Bull Air Race. Acontecendo pela primeira vez em território russo, a quinta etapa do Mundial de Corrida Aérea será realizada neste final de semana, 22 e 23 de julho, na cidade de Kazan, com os 14 melhores pilotos do mundo.




Considerada um dos principais locais esportivos do país, Kazan já foi palco da Universíade (Olímpiada Universitária), em 2013, e do Mundial de Esportes Aquáticos, em 2015. No próximo ano, o local será uma das sedes da Copa do Mundo de 2018 e abrigará jogos da fase de grupos e mata-mata. Tamanha competência transforma o local no lugar ideal para a estreia do Mundial de Corrida Aérea na Rússia. Os pilotos terão de fazer manobras a cerca de 370 km/h e desafiar a força da gravidade.

Com apenas mais quatro provas até o fim da temporada, a disputa segue acirrada. Absolutamente todos os times e pilotos ainda têm chances de conquistar o título mundial, embora os favoritos ao pódio já estejam se consolidando. O japonês Yoshihide Muroya, líder do ranking, tem apenas dois pontos de vantagem sobre o tcheco Martin Šonka, segundo colocado. Ou seja, pequenos detalhes – acertos ou erros – farão toda a diferença.

A mesma competitividade segue um pouco mais abaixo no ranking. O canadense Pete McLeod, que por enquanto ocupa o terceiro lugar, tem apenas um ponto a mais que o quarto colocado, o americano Kirby Chambliss. Qualquer um deles pode tomar o lugar de Muroya na classificação geral, dependendo dos resultados alcançados em Kazan.

A etapa inédita do Red Bull Air Race na Rússia acontece no sábado (22) e no domingo (23), com transmissão ao vivo pela internet, em www.redbull.tv, a partir das 10h (horário de Brasília) do domingo.




Para conhecer ainda mais sobre Kazan, os eventos esportivos locais e a relação com a aviação, listamos 5 fatos que você precisa conhecer antes do Mundial de Corrida Aérea:

– Kazan recebeu a Copa das Confederações em 2017. Dos quatro jogos disputados no local, três terminaram empatados. Portugal 2 x 2 México; Alemanha 1 x 1 Chile; e Portugal 0 x 0 Chile. Somente o México saboreou a vitória no local, ao vencer a Rússia por 2 a 1.

– Kazan é a capital do Tartaristão. O local é um grande centro cultural e comercial, além de abrigar o Complexo Arquitetônico e Histórico do Kremlin de Kazan, classificado pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade.

– A cidade tem cerca de 30 das maiores e mais prestigiadas universidades da Rússia, ou seja, sendo um dos polos da educação mais importantes do país.

– A principal equipe de futebol da cidade é o Rubin Kazan, que já protagonizou uma zebra gigantesca na Liga dos Campeões da Europa. Em 2009, a equipe russa venceu o Barcelona, no estádio Camp Nou, por 2 a 1, na fase de grupos. O clube catalão era o atual campeão do torneio.

– A Rússia é um dos principais países no âmbito da aviação mundial, seja civil ou militar. Há poucos meses, o país testou um jato comercial concorrente dos Boeing 737 e Airbus A320 para entrar no segmento de voos comerciais mais populares. O nome dele é o Irkut MC-21.

ONDE ASSISTIR

O Red Bull Air Race pode ser assistido na Red Bull TV pelo link www.redbull.tv/live/AP-1Q6TTVSX11W11/red-bull-air-race ou pelo aplicativo Red Bull TV, disponível nas TVs Samsung, Sony BRAVIA, aparelhos Blu-Ray, PlayStation®4 (PS4™), PlayStation®3 (PS3™) e Apple TV. O aplicativo também pode ser baixado nos sistemas operacionais Android, iOS e Windows Phone. O download também está disponível nos seguintes dispositivos: Amazon Fire TV, Kindle Fire, Nexus, Roku e Xbox 360.

Pela Assessoria de Imprensa da Red Bull

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é piloto e Bacharel em Ciências Aeronáuticas. Formado em Design e Performance de Aeronaves pela California State University Long Beach e Segurança da Aviação pela Western Michigan University. Membro da AOPA e da AIAA.

Comente