A JetBlue e a reinvenção do que é voar através do Atlântico pagando pouco

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

A empresa aérea low-cost dos Estados Unidos, JetBlue, divulgou detalhes de seu plano de mexer com o mercado transatlântico, desta vez revelando sua principal experiência para viajantes da classe econômica, ou seja, aqueles que mais têm dúvidas sobre o conforto de voar por longas horas a bordo de um jato de corpo estreito (narrow body), como é o caso do Airbus A321LR.

Se, por um lado, a concorrência opera com aeronaves maiores e (em tese) mais espaçosas, a JetBlue aposta num serviço diferenciado para cativar os clientes das suas novas conexões entre os EUA e Londres.

“Do generoso espaço entre assentos ao nosso inovador conceito de jantar feito sob medida, cada detalhe foi cuidadosamente projetado e será aprimorado ainda mais pelos padrões de serviço atenciosos que uma aeronave de corredor único permite. Conhecemos muito bem os pontos problemáticos dos voos internacionais: o temido assento do meio, a “escolha” da comida entre frango ou massa e a falta de conectividade. A companhia aérea está pronta para mudar tudo isso com nossa visão de viagens transatlânticas, onde você é bem cuidado e totalmente conectado”, disse Jayne O’Brien, diretora de marketing e fidelidade da JetBlue.

Menu personalizado

Os voos transatlânticos da companhia aérea trarão sua mais recente inovação: uma refeição elaborada pelo grupo de restaurantes Dig, de Nova Iorque. Além desse novo serviço de refeições gratuitas, os clientes vão poder contar com os assentos com maior espaço para as pernas na classe econômica, mais espaçosos do que a maioria das aeronaves de maior porte.

Os passageiros da classe Econômica poderão permanecer conectados durante todo o voo com um Wi-Fi de alta velocidade gratuito e ilimitado. Além disso, terão acesso a uma seleção de canais de TV ao vivo com foco em notícias e esportes e uma extensa biblioteca de entretenimento no assento, permitindo que os clientes se sintam em casa.

Para a rota, a JetBlue colocará a aeronave Airbus A321LR, que tem uma decoração interna no modelo do Airspace by Airbus, que é mais moderno e busca trazer relaxamento aos passageiros.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Boeing 737 tem todos os pneus principais estourados no pouso

0
No estranho incidente na tarde da sexta-feira, algo levou todos os pneus do trem de pouso principal do Boeing 737 a estourarem no pouso.