A380 e B747 testarão mais um novo mega-aeroporto na China

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Imagem: FlightRadar24 / Google Maps

Mais um novo e enorme aeroporto está prestes a ser concluído na China, e a data de sexta-feira, 22 de janeiro, marcará os primeiros testes com aeronaves no aeródromo. E será com voos de nada menos do que os maiores aviões de passageiros da atualidade, o Airbus A380 e os Boeings 747 e 777.

Segundo reporta a mídia chinesa, o Aeroporto Internacional Chengdu Tianfu, de código TFU, receberá as aeronaves acima descritas pertencentes às empresas aéreas China Southern, Air China e China Eastern, cujos códigos operacionais são respectivamente CZ, CA e MU.

Além dos três grandes modelos, também passarão pelo TFU o Airbus A330, o Boeing 737 e o chinês ARJ21 das empresas Sichuan Airlines, Luck Air e Chengdu Air.

Localizado na Tianfu New Area, uma nova zona de desenvolvimento na capital Chengdu da província chinesa de Sichuan, o aeroporto contará com 6 pistas após a conclusão das duas fases de seu plano de construção.

Com investimento de 78 bilhões de yuans, ou cerca de 12 bilhões de dólares, sua capacidade será de até 100 milhões de pessoas ao ano, tornando-se o terceiro maior hub aéreo da China, atrás apenas de Pequim e Xangai. Na primeira fase, iniciada em 2016 e prestes a ser inaugurada, serão 40 milhões de passageiros e 320 mil movimentos de aeronaves.

Sua classificação de aeródromo será a 4F, ou seja, a maior existente, podendo receber sem limitação aeronaves de qualquer tamanho e peso, e seus terminais contarão com 600 acres (pouco mais de 2,4 km quadrados) de parques temáticos ecológicos, uma tendência dos novos grandes aeroportos asiáticos.

Apesar de todo o tamanho, o projeto prevê que os passageiros levarão no máximo 13 minutos para se deslocar do ponto de verificação de segurança até o portão de embarque mais distante.

Veja no vídeo a seguir imagens de mais esse incrível projeto aeroportuário da China:

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Companhia aérea anuncia retomada dos voos, mas só vacinados podem embarcar

0
Projeto piloto da Israir Airlines prevê que passageiros comprovem estarem imunizados contra a COVID-19 antes no embarque.