A380 da Emirates comemora três anos do primeiro voo em Guarulhos

Em 2015 vivenciamos diversos momentos históricos para a aviação brasileira. De todos eles o que atraiu mais atenção foi a primeira operação comercial de um Airbus A380 no país.




Avião Airbus A380 Emirates

Na época, foi realizado um único voo pela Emirates Airlines como forma de celebrar oito anos do início da primeira ligação direta entre o Oriente Médio e a América do Sul, que teve inicio em 2008.

A empresa agora celebra 11 anos de voos regulares para o Brasil, oferecendo aos passageiros voos diários com o A380 para São Paulo/Guarulhos e outros 4 voos por semana com o Boeing 777-200LR que passa por Guarulhos tendo como destino final Santiago do Chile, além de outros 7 voos por semana com o Boeing 777-300ER que passa pelo Rio de Janeiro tendo como destino final Buenos Aires na Argentina.

Prepararmos essa matéria especial na qual relatamos alguns momentos históricos do primeiro voo com passageiros do Airbus A380 para a América do Sul.

Comandante Pablo (esq.) e o co-piloto Glauco Luciano. Brasileiros na cabine do A380 da Emirates.

Às 10h25 da ensolarada manhã do dia 14 de novembro de 2015, decolou de Dubai o Airbus A380 da Emirates, de matrícula A6-EON, rumo ao pouso histórico em São Paulo. Por ser o primeiro voo comercial da aeronave ao aeroporto, a operação demandou um minucioso planejamento da equipe técnica da companhia.

Na época o jovem brasileiro Pablo Tess Leite, que foi considerado naquele ano um dos mais jovens pilotos de A380 do mundo, e Glauco di Giacomo cruzaram o Atlântico rumo ao Brasil pilotando o gigante de dois andares.




Nosso anfitrião Pablo relata que um dos pontos altos do voo foi ter recebido as boas vindas e cumprimentos em português, vindos dos controladores de tráfego aéreo, enquanto atravessava o espaço aéreo brasileiro. Chamaram-lhe pelo nome na fonia, parabenizaram-lhe pelo momento histórico, causaram-lhe emoção.

Mas era necessário controlar os sentimentos e conduzir a aeronave rumo a seu primeiro pouso em solo brasileiro. Sob sua responsabilidade estava o gigante de 370 toneladas e 72 metros de comprimento com 367 pessoas a bordo distribuídas entre as suítes privativas da First Class Private, os assentos totalmente reclináveis na Classe Executiva e os diferenciados assentos na Classe Econômica.

Muita água dos jatos dos Bombeiros da Força Aérea Brasileira.

Eram passados alguns minutos das 19h de Brasília do mesmo dia 14 quando o primeiro oficial di Giacomo realizou o pouso inaugural em Guarulhos. Do lado de fora, uma multidão de 1.400 pessoas se reuniu para acompanhar a chegada e a saudação dos bombeiros com jatos d’água. Um momento que foi único para aviadores, estudantes de aviação e curiosos.

No desembarque, outra multidão aguardava a tripulação, que foi recebida como popstars. Seguranças a serviço do aeroporto tiveram que entrar em ação para conduzir a tripulação até o ônibus que os levaria para o hotel, enquanto uma multidão de entusiastas e estudantes de aviação ovacionavam a tripulação. Algo inédito na história recente da aviação no Brasil.

O primeiro voo comercial do A380 para a América do Sul ficou marcado na memória de muitas pessoas. Da tripulação, dos 367 passageiros que conheceram de perto toda excelência desta aeronave, das mais de 1.400 pessoas de todo Brasil que se deslocaram até o GRU Airport para ver de perto esta aeronave e também de todos os passageiros em trânsito pelo Terminal 3 do aeroporto, que não resistiram ao convite do aeroporto para ir até a vidraça fazer uma selfie tendo o maior avião de passageiros do mundo como pano de fundo.

Após a primeira operação comercial, os voos regulares ainda demoraram mais de um ano para sua estreia, em 26 de março de 2017. Com a chegada do voo EK262 da Emirates proveniente do Dubai International Airport (DXB), o GRU Airport tornou-se o primeiro aeroporto da América do Sul a receber voos regulares da aeronave A380. Hoje, o voo diário do A380 da Emirates já transportou mais de 368 mil passageiros na rota desde o início das operações, há um ano e oito meses.




Veja como são as “janelas virtuais” da Emirates e como uma aeronave sem janelas poderia ser mais leve

Emirates estoca seis Airbus A380 por falta de pilotos

Quarto de hotel a bordo! Conheça as suítes dos A380 da Singapore Airlines!

Luis Neves

É agente de turismo e acompanha a evolução da aviação brasileira desde o final da década de 80. Fotografa tudo o que voa e tem uma das maiores coleções de fotos de aviação do Brasil.