Ação iniciada na aviação arrecada milhões e salva a vida de bebê com AME

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Parecia uma missão impossível. Era setembro de 2020 quando o Comandante Fernando Crescenti, bastante conhecido na aviação por suas histórias em quadrinhos da Galeria Crescenti, tomava conhecimento de que um pequeno ser humano, já desde bebê apaixonado por aviação, tinha sua vida dependente de um remédio de custo milionário e com um prazo de poucos meses para que fosse administrado ainda com possibilidade de fazer efeito.

João Emanuel, um gauchinho de 1 ano e meio de idade naquele momento, havia sido diagnosticado com Atrofia Muscular Espinhal (AME) Tipo 1, uma grave doença neuromuscular caracterizada por degeneração e perda de neurônios motores da medula espinal e do tronco cerebral, resultando em fraqueza muscular progressiva e evolução até a atrofia completa.

O único remédio existente no mundo, de nome Zolgensma e desenvolvido por um laboratório dos Estados Unidos da América, só é capaz de fazer seu efeito de reverter a doença se administrado até os dois anos de idade. Seu custo: $ 2,125 milhões. De dólares, não de reais.

Com uma conversão de moeda acima dos R$ 5,50 por dólar, Crescenti começava um movimento para unir a aviação em busca da inacreditável cifra de mais de R$ 12 milhões em cerca de 6 meses para salvar uma vida.

O Comandante então começou a reunir a esquadrilha aérea de pessoas com coração de ouro, começando pelos quatro batalhões de aviação do Exército Brasileiro. Relembre a seguir a primeira mensagem em setembro de 2020.

Depois de dada a partida nos motores, a subida rumo aos céus de brigadeiro foi simplesmente incrível! Foi de foguete, ao invés de avião!

Aviadores militares e civis, sites, influenciadores digitais e fotógrafos da aviação, entre tantos outros, começaram a fazer parte da campanha. Doações financeiras, divulgações em mídias digitais e impressas, doações de produtos das mais variadas naturezas para rifas, compartilhamento de publicações e muito mais foram ganhando força e crescendo.

O movimento da aviação então chegou a contornos inimagináveis, extrapolando a própria esfera da aviação. Cantores, atores, bandas, jogadores de futebol, times de futebol, influenciadores digitais de todos os segmentos, entre outros, aderiram. Criaram publicações em redes sociais, convocaram milhões e milhões de pessoas por todo o Brasil e aumentaram ainda mais uma campanha em prol da vida.

O resultado? Nesta sexta-feira, 26 de março de 2021, João Emanuel e seus pais anunciaram que o valor para a compra do medicamento foi atingido! O João vai viver!

Toda a equipe do AEROIN agradece imensamente a todos que de alguma forma ajudaram nesta campanha, com doações ou ao menos compartilhando a campanha, em uma demonstração de que a união de pessoas pelo bem é capaz de cumprir missões impossíveis e salvar vidas. Parabéns a todos! O João vai viver!

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias