Aerolíneas Argentinas e Austral completam processo de fusão

Foto Aerolineas Argentinas

A Aerolineas Argentinas recebeu a certificação da Administração Nacional de Aviação Civil da Argentina (ANAC) que permite à empresa operar de forma unificada com a Austral, sua antiga subsidiária, diz uma matéria da CAPA. Dessa forma, fica formalizada a fusão anunciada no começo desse ano e as duas empresas passam a operar seus voos sob o mesmo código.

O processo, iniciado em maio, visa trazer eficiência à empresa em suas diferentes áreas, alcançar um posicionamento que lhe permita atender às demandas do mercado, criar uma estrutura mais dinâmica e unificar e integrar processos para torná-los mais ágeis. Do ponto de vista operacional, isso significa a unificação de áreas como manutenção, pilotos e tripulações, eliminando estruturas duplicadas existentes. Isso permitirá uma maior eficiência e uma redução considerável nos custos derivados.

“Nossa empresa nasceu da união de quatro empresas nos anos 50 e hoje, pouco depois de completar 70 anos, uma nova fusão vai marcar sua história. Partimos para superar essa crise e emergir fortalecidos para enfrentar um futuro complexo, a fusão é um grande passo nesse sentido”, afirma Pablo Ceriani, presidente da Aerolineas Argentinas.

Em outubro passado, a empresa fechou um acordo com a APLA (Associação de Pilotos Aéreos) e a UALA (Sindicato dos Aviadores Aéreos), sindicatos que representam os pilotos Aerolineas e Austral, respectivamente. Com este acordo, todos os pilotos passarão a fazer parte do quadro de funcionários da Aerolineas Argentinas sob os mesmos cargos.

Além disso, com a maior eficiência operacional que a fusão vai gerar, a empresa está trabalhando na criação e formalização de duas novas unidades de negócios: uma nova divisão de cargas e uma nova unidade de manutenção, que permitirá à Aerolineas Argentinas gerar novas fontes de receita.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Já descolorido, único Airbus A380 português agora está no deserto

0
O famoso Airbus A380 da Hi Fly, empresa portuguesa especializada em aluguel de aeronaves, foi retirado de operação no final de 2020