Aeroporto americano ganha sistema que evita que veículos entrem na pista na hora errada

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

O Aeroporto de Dallas contará agora com um novo recurso para evitar que veículos entrem na pista de maneira inadvertida.

Divulgação – Aeroporto de Dallas

A Leonardo, por meio de sua subsidiária americana Selex ES Inc., fornecerá ao Aeroporto Dallas Fort Worth International (DFW) o Runway Incursion Warning System AeroBOSS (RIWS), parte do portfólio da empresa de sistemas de gerenciamento de superfície de aeroporto, vigilância, navegação em rota e aproximação de precisão e sistemas de pouso.

O AeroBOSS RIWS é capaz de alertar os motoristas de veículos de serviço sobre quaisquer perigos potenciais antes de entrarem na área da pista. Ao fazer isso, a tecnologia ajudará a prevenir incursões na pista, melhorar a coordenação entre os veículos terrestres e aumentar a segurança geral.

O contrato inclui o fornecimento de hardware e software, bem como a integração da tecnologia RIWS em 500 veículos. Existem cerca de 3.100 aeroportos em todo o mundo com serviço de transporte aéreo comercial, mas apenas uma pequena porcentagem tem sistemas de prevenção de incursão de pista.

O AeroBOSS foi desenvolvido para provedores de serviços de navegação aérea (Air Navigation Service Providers – ANSPs) e aeroportos melhorarem a segurança de maneira eficiente e econômica. Espera-se que o programa RIWS se torne um modelo para outros aeroportos.

Além do contrato fechado com o aeroporto de Dallas, a Selex ES Inc. está entregando atualmente o mesmo nível de segurança de classe mundial para mais de 25 aeroportos em todo o mundo.

Pela Assesoria de Imprensa da Leonardo

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias