Aeroporto Val-de-Cans, de Belém, ganha novos elevadores

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Terminal Aeroporto de Belém Val-de-Cans
Terminal do Aeroporto Val-de-Cans, em Belém. Imagem: Infraero.

A Infraero anuncia que concluiu, nesta quinta-feira (29/10), as obras para instalação de oito novos elevadores no Aeroporto Internacional de Belém/Val-de-Cans (PA).

A intervenção, que recebeu investimentos de R$ 1,2 milhão, vai oferecer os melhores níveis de conforto e segurança para os passageiros que chegam e partem da capital paraense.

“Os novos equipamentos contam com o que há de mais moderno em conforto, tecnologia e segurança, o que demonstra o compromisso da Infraero em levar o melhor padrão de qualidade para o atendimento de seus passageiros e usuários”, destacou Fábio Rodrigues, superintendente do terminal.

Infraero Elevadores Aeroporto Belém
Imagem: Infraero

Infraero Elevadores Aeroporto Belém
Imagem: Infraero

A Infraero ressalta que desde o início da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Aeroporto de Belém segue operando sem interrupção na prestação de serviço aeroportuário, conforme as normas do setor.

O terminal conta com uma série de medidas para garantir a segurança dos passageiros e empregados no combate ao vírus. Todas elas em consonância com as determinações do Ministério da Saúde e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), além de órgãos estaduais e municipais de Saúde.

Com vocação para os negócios e para o turismo, o Aeroporto Internacional de Belém está localizado a 12 km do centro da cidade e movimentava, diariamente, uma média de 9.112 passageiros, 112 voos e 67.940 kg de carga aérea segundo dados da Infraero anteriores à Pandemia.

Informações da Infraero

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias