Agora com Boeing 747, mais um voo chegou da China na Itália levando ajuda

Assim como havia ocorrido antes do final de semana com um Airbus A350, a China enviou mais um avião para a Itália com ajuda para lidar com a crise do coronavírus.

Boeing 747-400 Air China Voo Milão Coronavírus

Na última quinta-feira, 12 de março, o primeiro voo, com o Airbus A350 de matrícula B-306Y da companhia aérea China Eastern, havia feito a rota de Xangai para Roma levando médicos e suprimentos.

Naquele momento, China e Itália anunciaram que reafirmaram laços bilaterais em um telefonema e Pequim se ofereceu para fornecer assistência médica na luta contra a COVID-19 causada pelo coronavírus.

O ministro das Relações Exteriores da Itália, Luigi Di Maio, disse que o governo italiano está aprendendo de perto com a “luta bem-sucedida” da China contra o vírus.

E continuando a parceria, nesse domingo (15) a China enviou mais uma aeronave com suprimentos médicos. O voo agora foi feito pelo Boeing 747-400 de matrícula B-2445 da Air China.

E a rota também foi outra. O Jumbo decolou de Pequim e pousou no aeroporto Malpensa, em Milão, após 10 horas 30 minutos de voo:

O voo entre Pequim e Milão no domingo – Imagem: FlightRadar24

Veja a seguir mais algumas imagens do Boeing 747 em seu processo de entrega dos suprimentos em Milão:

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias