Início Estudos e Pesquisas Ainda bem abaixo do pré-Covid, buscas no Brasil por voos internacionais crescem...

Ainda bem abaixo do pré-Covid, buscas no Brasil por voos internacionais crescem até 719%

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Os brasileiros parecem estar bastante ansiosos para voltarem a viajar para os Estados Unidos. Isso porque, mesmo ainda estando em vigor as restrições que impedem a entrada direta de pessoas do Brasil, as cidades de Nova York, Miami, Los Angeles e Orlando tiveram alta significativa nas buscas por voos em maio em relação a abril.

Os dados do KAYAK, metabuscador de viagens, colocam o país americano no topo das buscas por destinos internacionais dos brasileiros neste mês, ocupando quatro posições entre as 10 primeiras, inclusive a 1ª colocação, que ficou com Nova York.

De acordo com o levantamento, no comparativo com abril deste ano a partir de qualquer aeroporto do Brasil, maio já registrou alta de 719% nas buscas de voos para Nova York (1ª no Top 10 internacional de maio), 527% para Miami (5ª), 421% para Los Angeles (7ª) e 398% para Orlando (8ª), para viagens entre maio e agosto de 2021.

Fonte: KAIAK

Apesar dos índices impressionantes em termos mensais para as quatro cidades dos Estados Unidos, o crescimento anual para o mercado internacional em geral (considerando-se destinos de qualquer país) ainda é muito reduzido em relação ao volume de pesquisas dos viajantes de 2019 (pré-pandemia da COVID-19).

Segundo o mapeamento de tendências 2021 apontado pelo KAYAK, a busca geral de voos para destinos internacionais vem crescendo desde o fim de abril, mas seu pico, no último sábado, 15 de maio, ainda foi 70% menor do que em 2019.

Crescimento da busca de voos do Brasil, em relação a 2019 – Fonte: KAIAK

Este cenário anual é um pouco melhor nas buscas por voos domésticos, com uma tendência de crescimento mais expressiva, embora também se mantenha no campo negativo. Segundo o mapeamento, o pico, na segunda-feira (17), ainda representou 16% menos buscas do que o valor do mesmo dia de 2019.

Variação semanal

No caso da análise semanal, os maiores aumentos de buscas no Brasil por viagens internacionais, segundo dados da quarta-feira, 19 de maio, foram registrados para as cidades de: Madri, na Espanha, com 32% de crescimento; Porto, em Portugal, com 29%; Santiago, no Chile, com 19%; Punta Cana, na República Dominicana, com 19%; e Cidade do México, no México, com 15%.

Fonte: KAIAK

No caso das buscas por destinos domésticos pelos brasileiros, os maiores aumentos na semana ficaram com as seguintes cidades até este dia 19: Macapá, com aumento semanal de 25%; Aracaju, com 19%; Petrolina, com 18%; Goiânia, com 18%; e Porto Alegre, com 17%.

Fonte: KAIAK

Sair da versão mobile