Air France-KLM alcançará 60% da malha aérea pré-Covid-19 até dezembro

Avião Airbus A350-900 Air France
Airbus A350-900 da Air France – Imagem: Clément Alloing

A Air France e a KLM, que combinadas lideram a retomada dos voos internacionais de e para o Brasil, terminarão 2020 com 26 voos por semana, o que representa 60% do que o Grupo costumava voar semanalmente para o País antes da crise do Covid-19.

“Nunca termos parado e o fato de mantermos uma posição consolidada e forte na quantidade de voos ao longo deste ano destacam a importância do mercado brasileiro para o Grupo Air France-KLM. Somos líderes da retomada de operações internacionais de e para o Brasil, feita com cautela e foco na segurança e saúde de nossos clientes e colaboradores”, afirma Jean-Marc Pouchol, diretor geral Air France-KLM para a América do Sul.

Baseada em Amsterdã (AMS), a KLM seguirá com operação diária em São Paulo (GRU) e trará mais um voo semanal ao Rio de Janeiro (GIG) a partir de 26 de outubro, totalizando cinco frequências por semana para a capital fluminense.

A partir de 5 de outubro, a Air France evolui de cinco para seis voos semanais em São Paulo (GRU). E a partir de 19 de outubro, a companhia chega um voo diário para a capital paulista. O Rio de Janeiro (GIG) segue com quatro voos por semana. A companhia traz de volta os voos entre Paris (CDG) e Fortaleza (FOR) a partir de 16 de outubro, que serão operados três vezes por semana – às quartas, sextas e domingos.

A programação de voos de e para o Brasil, de ambas companhias, pode sofrer alterações.

Aumento de operação também pelo mundo a partir de Paris e Amsterdã

A Air France e a KLM estão reconstruindo cuidadosamente sua malha aérea.

Entre os destinos operados em todo o mundo, em setembro e outubro, a Air France chegará a 170 destinos, o que corresponde a 85% de sua malha aérea habitual para a época do ano. Já a KLM chegará a 152 destinos, ou 90% de sua oferta usual.

Para obter mais informações sobre os voos das companhias, consulte os sites da Air France e da KLM.

Fronteiras se abrindo e medidas sanitárias

As fronteiras internacionais estão se abrindo lentamente pelo mundo, e a Air France e a KLM expandem suas operações conforme há autorização governamental para tal. As companhias levam em consideração as medidas atuais de saúde e higiene nos países ou destinos atendidos para garantir a seus passageiros o nível mais alto de segurança sanitária.

Antes de viajar, as companhias recomendam que seus clientes entrem em contato com as autoridades relevantes para verificar os requisitos de entrada e viagem para seus países de destino e trânsito. Ainda reforçam que máscaras cirúrgicas são obrigatórias em todos os seus voos. Seguem também as verificações de temperatura corporal realizadas na partida de voos da Air France.

As operações diárias de limpeza de aeronaves foram intensificadas e um procedimento específico para a desinfecção regular de cabines com um spray virucida aprovado foi introduzido. Para mais detalhes sobre as medidas de saúde e higiene implementadas, tanto no solo quanto a bordo, clique aqui para a Air France e aqui para a KLM.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagens pela Avianca Brasil e Azul Linhas Aéreas. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias

Comandante sem máscara sai da cabine para brigar com passageira por...

0
Uma discussão aconteceu num voo onde o comandante, sem utilizar máscara, ficou argumentando com uma passageira por causa de um boné ofensivo.