Airbus A380 da Emirates é recebido com canhões de água ao voltar à Rússia

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Após o anúncio, na terça-feira da semana passada (15/09), da retomada dos voos do Airbus A380 à Rússia, a companhia aérea Emirates já fez a reestreia do modelo na capital Moscou e o gigante foi recebido com o tradicional batismo dos canhões de água do Corpo de Bombeiros.

O primeiro voo do grande avião de dois andares de volta na rota Dubai – Moscou/Domodedovo ocorreu na sexta-feira, 18 de setembro, tendo sido cumprido pela aeronave de matrícula A6-EUR.

Dados do FlightRadar24 mostram que o voo, de número EK-133, durou 4 horas e 58 minutos e aterrissou na pista 32L do aeroporto Domodedovo às 15h08 do horário local (09h08 no horário de Brasília).

FlightRadar24 Voo Emirates A380 Moscou
O A380 em sua chegada a Moscou – Imagem: FlightRadar24

A companhia aérea havia retomado os voos para a capital russa apenas uma semana antes e, devido à forte demanda de passageiros, seu icônico A380 foi escalado para voltar à rota Dubai-Moscou.

A Emirates já vinha atendendo cinco cidades utilizando suas aeronaves de dois andares, sendo elas Cairo, Paris, London/Heathrow, Guangzhou e Toronto, e informa que expandirá gradualmente a implantação desta aeronave popular de acordo com a demanda e aprovações operacionais.

O Brasil, entretanto, não deve ver o A380 de volta tão cedo, já que as perspectivas de retornar à rota Dubai-São Paulo/Guarulhos em outubro foram canceladas sem uma previsão oficial de nova data.

Apesar disso, a demanda segue aumento nos voos, de forma que será aumentada a frequência das operações com os Boeings 777-300ER da companhia. Veja mais detalhes na matéria a seguir, ou clicando aqui.

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias