Airbus anuncia investimento e aumento da produção de aeronaves na terra da Boeing

A Airbus anunciou hoje que, como parte de seu plano de produzir 63 aeronaves da Família A320 por mês em 2021, a empresa expandirá sua presença industrial nos EUA, aumentando a taxa de produção de aeronaves da família A320 em suas instalações nos EUA para sete por mês até o início do próximo ano.

Esse aumento e o recrutamento contínuo da equipe de fabricação do A220 resultarão em mais 275 empregos adicionados nas instalações do estado do Alabama no próximo ano. A empresa também investirá outros US$ 40 milhões através da construção de um hangar de suporte adicional no local, elevando seu investimento total a mais de US$ 1 bilhão na cidade.

Com planos já estabelecidos para a produção de quatro aeronaves A220 por mês até meados da década, a Airbus está no caminho de produzir mais de 130 aeronaves na cidade de Mobile a cada ano.

Refletindo sobre o crescimento e o investimento contínuo nos EUA, o presidente e CEO da Airbus Americas, C. Jeffrey Knittel, disse: “A Airbus tem fábrica nos EUA há muitos anos através de nossos produtos de helicópteros, aeronaves e satélites. Esse aumento na produção de aeronaves comerciais em Mobile é uma expansão empolgante de nosso significativo investimento industrial nos EUA e continua a contribuição positiva da Airbus para a indústria aeroespacial americana. ”

Grande presença nos EUA

Além de suas operações em Mobile, a Airbus tem presença extensiva nos EUA. A empresa emprega aproximadamente 4.000 pessoas em 38 locais em 16 estados. Entre suas outras instalações nos EUA, a Airbus possui: um centro de engenharia no Kansas; instalações de treinamento na Flórida e Colorado; suporte de materiais e sede na Virgínia; um think-tank inovador (A3) na Califórnia; um negócio de análise de dados de drones na Geórgia; instalações de fabricação e montagem de helicópteros no Texas e Mississippi; e uma instalação de fabricação de satélites (OneWeb Satellites) na Flórida. Além disso, apenas nos últimos três anos, a Airbus gastou quase US$ 50 bilhões nos EUA com mais de 450 fornecedores americanos, apoiando mais de 275.000 empregos.

Além do aumento da taxa de produão e das contratações, a Airbus terá muito mais para comemorar no Mobile em 2020: a Airbus Defense and Space celebrará seu 15º aniversário em abril; a mais nova linha de montagem final da Airbus para o A220 será aberta e a entrega do primeiro A220 fabricado nos EUA ocorrerá. A empresa também dará as boas-vindas à graduação dos primeiros alunos do programa de treinamento para estudantes da FlightPath9 em maio, participará da abertura do centro de experiência em aviação da Flight Works Alabama em junho e entregará sua 200a aeronave da família A320, construída nos EUA, no verão.

https://www.aeroin.net/por-dia-hi-fly-recebe-30-pedidos-aluguel-airbus-a380/
Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Mais três gigantes aviões Antonov AN-124 estão de volta à ativa

0
A gigante russa Volga-Dnepr, especialista em carga aérea de grande volume confirmou que colocou de volta mais três Antonov AN-124