Airbus transforma A350 em plataforma de teste para as experiências de cabine do futuro

A Airspace Explorer é a nova plataforma de teste de voo cross-program dedicada da Airbus para demonstrar novas tecnologias de cabine que podem ser apresentadas no futuro. Essas tecnologias apresentadas a bordo estão atualmente em estágio de protótipo e o Airspace Explorer será usado para testá-las em solo e em voo.

A aeronave de teste especialmente configurada é o A350-900 (MSN 002), uma dedas três aeronaves de teste do modelo. Equipada com a cabine “Airspace”, desde 2019 a aeronave testou, exibiu e ajudou a certificar com sucesso uma série de inovações de cabine centradas no cliente, que estão focadas nos quatro pilares da experiência do passageiro: tecnologia de ambiente, inovações de conforto, serviços conectados e design sustentável.

Design sustentável

Hoje, em sua função de “Airspace Explorer”, a aeronave hospeda alguns novos recursos interessantes relacionados à sustentabilidade:

Tapete Ecológico – é fabricado com fio de nylon 100% reciclado e pode ser produzido em qualquer cor. O próprio carpete pode ser reciclado no final de seu ciclo de vida. O carpete oferece possibilidades ilimitadas para criar designs de interiores de aeronaves exclusivos, limitando o impacto ambiental;

As janelas côncavas do passageiro – são fabricadas com uma ligeira curva para dentro (côncava) de modo que durante o voo a pressão do ar da cabine “aplaine” a curvatura para que as janelas fiquem niveladas com o revestimento da aeronave – reduzindo assim o arrasto, a queima de combustível e as emissões de CO2;

Janelas com dimerização elétrica – esta opção do cliente fornece desempenho de bloqueio da luz solar quase total (mais de 99,9%) e, como substituem as cortinas mecânicas tradicionais, há uma economia de peso significativa em toda a aeronave;

Os recursos da galley conectada permitem um serviço de bufê preditivo e gerenciamento de estoque por meio de pré-pedidos pelos passageiros e dados de uso, reduzindo assim o desperdício.

Plataforma de IoT conectada

O Airspace Explorer também hospeda a primeira plataforma de IoT conectada ponta-a-ponta da indústria, trazendo a “Internet das Coisas” para o ambiente da cabine da aeronave. Essa plataforma de IoT conecta em tempo real os principais componentes da cabine (cozinhas, carrinhos de refeição, assentos, compartimentos superiores, etc.), além de permitir a troca de dados em toda a cabine para a tripulação, com visibilidade em tempo real de seus tablets.

Um exemplo interessante de nova inovação sendo testada a bordo do Airspace Explorer é a nova tecnologia wi-fi “Flex Display”. Esta é uma tecnologia de tela de ponta ultrafina e ultraleve, que se adapta a qualquer superfície da cabine com um mínimo de esforço de integração. Aplicado à superfície como um ‘adesivo’, é a HMI (Interface Homem-Máquina) do futuro para a indústria aeronáutica.

Este exemplo, junto com várias outras inovações a bordo do Airspace Explorer, ajudará a oferecer uma experiência de viagem mais personalizada, graças aos novos serviços para o passageiro, ao mesmo tempo que permite operações e manutenção mais eficientes e sustentáveis ​​da aeronave.

De inovações de protótipo a sistemas em serviço

A Airbus está trabalhando continuamente com os clientes e parceiros da indústria para identificar e desenvolver as novas tecnologias que irão melhorar e definir a futura experiência de voo. 

Resumindo, o Airspace Explorer é o embaixador que irá evoluir continuamente para explorar novas tecnologias à medida que se tornem disponíveis, impulsionando a inovação do espaço aéreo e proporcionando uma experiência líder aos passageiros. 

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Boeing 747 tem problemas em solo, empina e bate com a...

0
Um cargueiro do modelo Boeing 747-400F teve um pequeno incidente hoje de manhã, quando acabou empinando e batendo a sua cauda no chão.