Início Indústria Aeronáutica Alça voo o primeiro avião comercial movido a hidrogênio do mundo

Alça voo o primeiro avião comercial movido a hidrogênio do mundo

A ZeroAvia, empresa focada em inovação na descarbonização da aviação comercial, concluiu na quinta-feira (24) o primeiro voo mundial movido a combustível de hidrogênio de uma aeronave comercial. O voo ocorreu nas instalações de P&D da empresa em Cranfield, Inglaterra, com o avião de seis lugares Piper M completando o táxi, decolagem, um circuito padrão completo e pouso.

A conquista da ZeroAvia é o primeiro passo para notar as possibilidades práticas de passar dos combustíveis fósseis para o hidrogênio com emissão zero. Eventualmente, e sem qualquer nova ciência fundamental necessária, as aeronaves movidas a hidrogênio poderão se equiparar às distâncias de voo e à carga útil das aeronaves atuais movidas a combustível fóssil.

Este marco importante no caminho para os voos comerciais com emissão zero faz parte do projeto HyFlyer, um programa apoiado pelo governo do Reino Unido. A ZeroAvia agora vai voltar sua atenção para o próximo e último estágio de seu programa de desenvolvimento de um avião seis assentos que um voará 250 milhas com emissão zero antes do final do ano. Essa distância é equivalente a rotas movimentadas, como Los Angeles a São Francisco ou Londres a Edimburgo.

Val Miftakhov, CEO da ZeroAvia comenta: “É difícil colocar em palavras o que isso significa para nossa equipe, mas também para todos os interessados ​​em voos com emissão zero. Embora algumas aeronaves experimentais tenham voado usando células de combustível de hidrogênio como fonte de energia, o tamanho desta aeronave comercialmente disponível mostra que os passageiros pagantes podem embarcar em um voo verdadeiramente zero emissão muito em breve. Toda a equipe da ZeroAvia e de nossas empresas parceiras podem se orgulhar de seu trabalho e também quero agradecer aos nossos investidores e ao governo do Reino Unido por seu apoio”.

O Ministro da Aviação, Robert Courts, disse: “A aviação é um foco de inovação e a tecnologia fantástica da ZeroAvia nos leva a um passo mais perto de um futuro sustentável para as viagens aéreas. Estamos trabalhando duro com a indústria para impulsionar a inovação em voo zero carbono e esperamos ver o setor crescer cada vez mais”.

Parcerias

O programa de inovação da ZeroAvia no Reino Unido é parcialmente financiado pelo Programa do Instituto de Tecnologia Aeroespacial do Governo do Reino Unido (ATI). Por meio do projeto HyFlyer, a ZeroAvia está trabalhando com os principais parceiros, o European Marine Energy Center (EMEC) e a Intelligent Energy para descarbonizar aeronaves de pequeno porte de médio alcance, demonstrando a tecnologia de powertrain para substituir os motores convencionais em aeronaves a hélice. A Intelligent Energy otimizará sua tecnologia de célula de combustível de alta potência para aplicação na aviação, enquanto a EMEC, produtora de hidrogênio verde a partir de energia renovável, fornecerá o hidrogênio necessário para testes de voo e desenvolverá uma plataforma móvel de reabastecimento compatível com o avião.

Recentemente, a ZeroAvia também foi convidada pelo primeiro-ministro Boris Johnson para se juntar ao Conselho JetZero do Reino Unido e ajudar a liderar o reino em direção à meta ambiciosa de alcançar o primeiro voo de passageiros de longo curso com emissão zero.