Início Empresas Aéreas Alitalia poderá expulsar do voo qualquer passageiro que estiver sem máscara

Alitalia poderá expulsar do voo qualquer passageiro que estiver sem máscara

A empresa aérea italiana já passava por uma crise financeira sem precedentes quando o coronavírus chegou à Itália. Enquanto luta para voar e manter-se viva, a Alitalia coloca duras medidas para o transporte de passageiros domésticos e internacionais.

Alitalia

A Informação foi dada pela própria empresa através de um comunicado de imprensa. Por ele, a aérea diz que a saúde e a segurança de viajantes e funcionários sempre foram sua principal prioridade e que, por esse motivo, ela pede que todos os passageiros levem uma máscara respiratória protetora, que deve ser usada nos casos em que a ocupação do avião não permita manter uma distância de 1 metro entre um passageiro e outro.

A medida entra em vigor com efeito imediato e faz parte dos protocolos contra infecções adotados pela Alitalia, em conformidade com as disposições das autoridades competentes. A companhia pode, portanto, negar o embarque a passageiros que não tiverem as máscaras.

O novo procedimento de segurança é seguido por outras medidas extraordinárias adotadas pela linha aérea para proteger a saúde de viajantes e funcionários, como é o caso das mudanças no cardápio do serviço de bordo. Além disso, para limitar a propagação do COVID-19, foram aumentadas as atividades de limpeza em toda a sua frota, com desinfecção e saneamento diário de todas as superfícies nas cabines das aeronaves.

Outros protocolos de segurança da Alitalia

As equipes da Alitalia são treinadas para ativar, se necessário, o protocolo de saúde para proteger os viajantes do risco de contaminação. Os tripulantes têm nos aviões um “kit de risco biológico” disponível para lidar com passageiros com sintomas suspeitos, contendo luvas de látex para coletar itens distribuídos e máscaras de proteção respiratória para serem usadas durante o serviço.

Toda a frota de aeronaves da Alitalia está equipada com filtros de partículas de alta eficiência (HEPA) de nível hospitalar, que garantem 99,7% de limpeza do ar da cabine e troca de ar trinta vezes por hora.

Os funcionários dos aeroportos também podem usar máscaras de proteção respiratória e luvas de látex durante o serviço. Além disso, a Alitalia estabeleceu um sistema de cotas para acesso às salas VIP, com o objetivo de garantir o cumprimento das distâncias de segurança estabelecidas pelas disposições do governo italiano.

A Alitalia também adotou soluções inteligentes de trabalho para manter seus funcionários em terra o mais seguro possível, evitando a propagação da doença.