Ameaça de bomba no 11 de setembro faz aeronave ser evacuada na pista

Airbus A330
Airbus A330 da Cathay Pacific, semelhante à envolvida na ocorrência – Aero Icarus – CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

Uma ameaça de bomba a bordo de um voo fez com que todos os passageiros fossem evacuados rapidamente de um Airbus A330, no mesmo dia em que os atentados terroristas ao World Trade Center completava 20 anos.

O caso ocorreu no voo de número CX-390, da Cathay Pacific, que havia partido na manhã do último sábado, dia 11 de setembro, de Hong Kong com destino a Pequim, quando as autoridades receberam uma ligação dizendo que um dispositivo explosivo havia sido colocado no interior da aeronave.

O Airbus A330 pousou no Aeroporto de Pequim após quase três horas de voo, porém, devido à suposta ameaça, os 30 passageiros foram evacuados rapidamente na própria pista, com o auxílio das escorregadeiras da aeronave. Com a evacuação, alguns passageiros tiveram ferimentos leves.

Em nota, a Cathay Pacific não confirmou a ameaça de bomba, mas disse que continuaria a fornecer a assistência necessária e o apoio aos passageiros em questão. “A companhia aérea também continuará a cooperar com as autoridades na investigação.”

Segundo relata o Paddle Your Own Kanoo, testemunhas disseram que, em certo momento do voo, comissários de bordo ficaram eufóricos procurando alguma coisa entre os bagageiros e armários, enquanto se entreolhavam. Logo após o pouso, os passageiros foram orientados a desembarcar e ficaram na pista por mais de uma hora, antes de poderem seguir para o terminal de passageiros.

Embora a companhia não tenha confirmado a gravíssima ocorrência de bomba a bordo, a Equipe de Investigação Criminal do Distrito Policial do Aeroporto está investigando o caso, que até o momento não tem nenhum suspeito.

Este não foi o único caso suspeito no mesmo marcante dia 11 de setembro. Como vimos mais cedo aqui no AEROIN, um Airbus A320 precisou realizar um pouso de emergência após um passageiro se trancar no banheiro e se recusar a sair:

Leia mais:

Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias

Está entregue o último avião 747-8F da maior operadora do modelo...

0
A contagem para o fim da produção de um dos mais longevos e bem sucedidos projetos da história da aviação, a família Boeing 747, avançou.