American Airlines aposentará o Boeing 767 nos próximos meses e o 757 em breve

A American Airlines anunciou há pouco que está acelerando a aposentadoria de seus aviões mais velhos, como o Boeing 767, em meio à crise que toma o setor aéreo.

Avião Boeing 767 American
Boeing 767 da American

A notícia veio após a empresa divulgar diversos cortes de rotas, como de São Paulo para Dallas e Los Angeles. Será a primeira vez em anos que o Brasil não terá uma conexão direta com a Califórnia, estado mais rico dos EUA.

Em um comunicado interno que foi revelado pelo jornalista Jon Ostrower, a empresa afirma que irá acelerar a retirada de aviões mais velhos.

A partir de maio, todos os 16 jatos Boeings 767-300ER da empresa serão tirados de voo. Apesar da empresa apenas citar “paralisação” no texto, o tema do tópico é aceleração da aposentadoria, logo, as chances do 767 voltar são bem remotas.

Também sobrou para o 757

Avião Boeing 757 American Airlines
Boeing 757 da American

Outro avião que terá sua aposentadoria acelerada é o Boeing 757. Atualmente a empresa opera com 34 aviões da variante 757-200, que fazem rotas domésticas de alta densidade e voos internacionais curtos.

O avião, que atualmente opera no Brasil em voos de Miami para Brasília, será aposentado até o fim do verão do hemisfério norte do ano que vem (agosto de 2021).

Porém, o início da retirada dos 34 jatos também começará em maio, junto à paralisação do 767. A empresa não informou sobre a continuidade da rota Miami – Brasília, que estava prevista ser feita futuramente com o Boeing 737 MAX, modelo que ainda não foi liberado para voo.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias